28 de nov. de 2020

Irã acusa Israel de tentar provocar o "caos" pela morte de cientista

Irã acusa Israel de tentar provocar o "caos" pela morte de cientista

Irã acusa Israel de tentar provocar o "caos" pela morte de cientista
 
O presidente iraniano, Hassan Rohani, acusou neste sábado Israel de querer semear o "caos" com o assassinato, na sexta-feira perto de Teerã, de um importante cientista do programa nuclear, um crime que segundo as autoridades de Teerã deve ser "castigado". "Mais uma vez, as impiedosas mãos da arrogância global, com o usurpador regime sionista como mercenário, foram manchadas com o sangue de um filho desta nação", afirmou Rohani em um comunicado oficial. 

As autoridades iranianas utilizam a expressão "arrogância global" em referência aos Estados Unidos. Mohsen Fakhrizadeh, 59 anos, diretor do Departamento de Pesquisa e Inovação do ministério da Defesa, foi gravemente ferido quando seu carro foi atacado por vários indivíduos, que trocaram tiros com sua equipe de segurança, e faleceu poucos minutos depois. 

"A nação iraniana é muito inteligente para cair na armadilha da conspiração dos sionistas. Estão pensando em criar o caos, mas deveriam saber que conhecemos suas intenções e não terão êxito", disse Rohani, minutos depois da publicação do comunicado, em um discurso exibido na televisão. Rohani se comprometeu a impedir que a morte para o desenvolvimento.

"Os inimigos do Irã deveriam saber que a coragem do povo e das autoridades iranianas é tamanha que este ato criminoso não ficará sem consequências", disse Rohani, em uma reunião semanal dedicada à luta contra a pandemia do coronavírus.

Pouco depois, o guia supremo iraniano, o aiatolá Ali Khamenei, pediu uma "castigo" para as pessoas que estão por trás do crime. Também pediu o país "continue com o esforço científico e técnico deste mártir mártir em todos os âmbitos em que estava trabalhando".




Comece o dia com as notícias selecionadas  Clique e assine.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Coisas Judaicas se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e amigos. Você pode apoiar o Coisas Judaicas via PayPal ou na Vaquinha virtual . 
Veja como: 


SHARE THIS

Author:

O Coisas Judaicas cobre uma das partes mais complicadas e controversas do mundo, o Estado de Israel. Determinado a manter os leitores totalmente informados e capacitá-los a formar e desenvolver suas próprias opiniões, o Blog existe de 2005 e sempre procuramos dar a nossos leitores noticias e opiniões avalizadas. Sobre Israel, a região e o mundo judaico.

0 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não do Blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.Não publicamos comentários anônimos. Coloque teu URL que divulgamos