2 de ago. de 2020

Tribunal ordena que Yair Netanyahu remova os tweets contra líderes de protesto

     

Tribunal ordena que Yair Netanyahu remova os tweets contra líderes de protesto

Juiz de Jerusalém também ordena que o filho do primeiro-ministro pare de assediar os manifestantes contra seu pai pelos próximos seis meses.


O Tribunal do Magistrado de Jerusalém ordena que Yair Netanyahu, filho do primeiro-ministro, retire um tweet identificando os líderes de um movimento de protesto contra seu pai.
O jovem Netanyahu divulgou os discursos dos ativistas e incentivou seus mais de 88.000 seguidores nas redes sociais a piquetar suas casas.
"Convido todos a protestarem, dia e noite (a Suprema Corte diz que é permitido), nas casas dessas pessoas que organizaram a anarquia no país para todos nós nas últimas semanas", tuitou Netanyahu na quinta-feira.
O tribunal também diz a Yair Netanyahu para parar de assediar os ativistas por seis meses, "de qualquer forma", segundo relatos em hebraico.




Blog Judaico 
Receba nossa newsletter
Comece o dia com as notícias selecionadas  Clique e assine.



SHARE THIS

Author:

O Coisas Judaicas cobre uma das partes mais complicadas e controversas do mundo, o Estado de Israel. Determinado a manter os leitores totalmente informados e capacitá-los a formar e desenvolver suas próprias opiniões, o Blog existe de 2005 e sempre procuramos dar a nossos leitores noticias e opiniões avalizadas. Sobre Israel, a região e o mundo judaico.

0 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não do Blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.Não publicamos comentários anônimos. Coloque teu URL que divulgamos