Atualizando

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Lenovo BR

Gantz aprova a mobilização de 500 reservistas

     Gantz aprova a mobilização de 500 reservistas da IDF para ajudar a combater o coronavírus ressurgente


Mais de 900 pessoas foram diagnosticadas com COVID-19 nas últimas 24 horas.

O ministro da Defesa de Israel, Benny Gantz, aprovou a mobilização de 500 reservistas das FDI para ajudar a combater a disseminação do coronavírus no país, pois o país vê um aumento dramático em novas infecções nas últimas semanas. 

 Gantz aprova a mobilização de 500 reservistasMuitos dos reservistas da IDF serão mobilizados em dez "hotéis de quarentena", que reabrirão suas portas para receber os doentes e as pessoas que retornam do exterior, a fim de isolar os pacientes com COVID-19. 
Os hotéis, localizados em diferentes cidades do país, fecharam várias semanas atrás, pois a taxa de infecção parecia estar sob controle.
Oficiais do governo também disseram que forçar os pacientes a isolar-se por duas semanas começou a levantar preocupações sobre questões de saúde mental.
Mas como a taxa de infecção atinge novos recordes, o governo decidiu conter localmente determinadas áreas em Ashdod, Lod ou Bat Yam e Bnei Brak.
Mais de 900 pessoas foram diagnosticadas com COVID-19 nas últimas 24 horas, a maior contagem de um dia registrada desde que a epidemia chegou a Israel em meados de março. 

Até o momento, o país possui 8.483 pacientes ativos, incluindo 24 pessoas em respiradores artificiais. Pelo menos 322 mortes foram registradas e 17.452 pacientes estão curados. 

Um total de 26.257 casos foram confirmados desde março.



Blog Judaico 
Receba nossa newsletter
Comece o dia com as notícias selecionadas  Clique e assine.


Postar um comentário

0 Comentários