26/05/2020

Mossad adquiriu milhares de ventiladores para os centros médicos de Israel

   Mossad adquiriu milhares de ventiladores para os centros médicos de Israel
  O chefe do Flash90 Mossad, Yossi Cohen, em uma conferência na
Universidade de Tel Aviv, em 24 de junho de 2019


Chefe de inteligência de Israel entrega o controle do centro de compras de coronavírus ao Ministério da Saúde.
O Mossad, serviços de inteligência estrangeiros de Israel, adquiriu cerca de 4.800 máquinas de ventilação pulmonar, incluindo 1.300 compradas no exterior, como parte de seus esforços para estocar suprimentos médicos para o Ministério da Saúde, informou a Ynet na terça-feira.
Segundo um relatório interno citado pela agência de notícias, o serviço também conseguiu voar com cerca de 80 milhões de máscaras faciais e cerca de 30 toneladas de desinfetante.
Milhões ainda não foram entregues, acrescenta o relatório, incluindo outros 4.700 ventiladores e vários equipamentos de proteção.
Enquanto Israel se preparava para enfrentar a doença, o  Mossad foi encarregado de comprar suprimentos e equipamentos médicos no exterior, inclusive de estados com os quais Israel não tem laços diplomáticos formais.
Yossi Cohen, o principal espião de Israel, assumiu um centro de comando de compras, que ele deve entregar ao Ministério da Saúde na terça-feira.
No domingo, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu se encontrou com Cohen e expressou sua gratidão por seu serviço no comando do centro de compras.
A lista de países dos quais Cohen comprou os suprimentos incluía vários Estados do Golfo sem nome.
Em uma das primeiras operações de compras, os kits de teste comprados em um desses estados revelaram falta de um componente, o que os tornou inutilizáveis.




Blog Judaico 
Receba nossa newsletter
Comece o dia com as notícias selecionadas  Clique e assine.



Americanas BR

Compartilhe

Author:

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico.

0 comentários: