14 de jan. de 2020

Celebridades levantam a mão para combater o antisemitismo

   
Celebridades levantam a mão para combater o antisemitismo
  De Rivlin e Refaeli ao Dr. Ruth, políticos e estrelas participam de campanha digital usando a hashtag #StopThisStory, que coincide com o Fórum Mundial do Holocausto em Jerusalém, com a participação de dezenas de líderes mundiais.

Uma campanha digital global está pedindo ao mundo que acabe com o anti-semitismo e alistou a ajuda de várias estrelas internacionais.
A campanha iniciada pelo Dr. Moshe Kantor, presidente do Congresso Judaico Europeu, foi lançada antes do Quinto Fórum Mundial do Holocausto, intitulado "Lembrando o Holocausto, Combatendo o Anti-Semitismo", que ocorrerá em Jerusalém em 23 de janeiro de 2020.

O "Pare com esta história!" A campanha será a primeira iniciativa global desse tipo a alavancar os efeitos de RA (Realidade Aumentada) do Instagram para impulsionar um movimento global.

 Presidente Reuven Rivlin
Presidente Reuven Rivlin
( Foto: Instagram )
Figuras públicas e celebridades que já aderiram à campanha incluem o presidente Reuven Rivlin, a atriz britânica Vanessa Kirby, que interpretou a jovem princesa Margaret no programa The Crown, a modelo israelense Bar Refaeli, o ex-jogador da NBA Omri Casspi e a estrela do futebol internacional Eran Zahavi.
Todos os influenciadores criaram suas imagens exclusivas usando a hashtag #StopThisStory escrita em suas mãos.

ונסה קירבי
Vanessa Kirby se junta à campanha #StopThisStory
( Foto: Instagram )
A campanha contará a história incessante do anti-semitismo dos anos 1930 até os dias atuais, a fim de mostrar que esse mal não passou do mundo e continuará a ameaçar os judeus, a menos que seja interrompido.

Dr. Ruth Westheimer
Dr. Ruth Westheimer, sobrevivente do Holocausto
( Foto: Instagram )
Os filtros que usam a hashtag #StopThisStory estarão disponíveis na conta do Instagram da campanha para que outros possam baixar, adicionar a mensagem às próprias mãos e participar da chamada para interromper o anti-semitismo, o racismo e a xenofobia.
"O anti-semitismo, em suas várias formas, tem como alvo diariamente judeus de todo o mundo", disse Kantor. "Os judeus são atacados em suas casas, nas ruas, nas escolas, universidades, sinagogas e online".
Kantor afirmou que 80% dos judeus europeus temem por sua segurança e mais de 40% afirmam ter pensado em deixar suas casas e comunidades.

 Bar Refaeli se junta à campanha #StopThisStory
Bar Refaeli se junta à campanha #StopThisStory
( Foto: Instagram )
"A melhor maneira de divulgar nossa mensagem é através da mídia social", disse Kantor.
O lançamento da campanha #StopThisStory está programado para coincidir com o Fórum Mundial do Holocausto, que marcará 75 anos desde a libertação do campo de extermínio nazista de Auschwitz, na Polônia.
Espera-se a participação de dezenas de líderes mundiais, incluindo o presidente russo Vladimir Putin, o príncipe Charles da Grã-Bretanha, o presidente alemão Frank-Walter Steinmeier, o presidente francês Emmanuel Macron, o rei espanhol Felipe VI e os líderes do Conselho Europeu. O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, também participará, enquanto a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, chefiará uma delegação de membros democratas do Congresso.





                                                                   Blog Judaico 
                                                     Receba nossa newsletter
Comece o dia com as notícias selecionadas  Clique e assine.




SHARE THIS

Author:

O Coisas Judaicas cobre uma das partes mais complicadas e controversas do mundo, o Estado de Israel. Determinado a manter os leitores totalmente informados e capacitá-los a formar e desenvolver suas próprias opiniões, o Blog existe de 2005 e sempre procuramos dar a nossos leitores noticias e opiniões avalizadas. Sobre Israel, a região e o mundo judaico.

0 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não do Blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.Não publicamos comentários anônimos. Coloque teu URL que divulgamos