Exposições com olhares femininos

     
Exposições com olhares femininos
Criatividade e liberdade à parte, a Arte sempre foi um de tantos meios onde as mulheres conquistaram a pulso (e por sua conta e risco) um lugar entre homens. Em outubro destacamos exposições que homenageiam artistas e pioneiras.



Charlotte Perriand (1903-1999) estudou design de mobiliário no início da década de 1920 e abriu o seu estúdio, em 1927. Foi arquiteta, designer e, sobretudo, visionária. Colaborou com Le Corbusier, participou em projetos arquitetônicos de referência e teve reconhecimento internacional. A propósito do 20.º aniversário da sua morte, a Fondation Louis Vuitton, em Paris, presta-lhe tributo com a exposição Charlotte Perriand: Inventing a New World (de 2 de outubro a 24 de fevereiro de 2020), uma visita pelo universo da artista que misturava arquitetura, design e arte.
Onde? Fondation Louis Vuitton (Paris)
Quando? De 2 de outubro a 24 de fevereiro de 2020
Quando Edith Halpert (1900-1970) nasceu em Odessa, a cidade ainda era russa e hoje é ucraniana. E quando aos 26 anos abriu, em Nova Iorque, a Downtown Gallery (o primeiro espaço de comércio em Greenwich Village e o primeiro sítio de arte a promover artistas afro-americanos) transformou o que poderiam ser adversidades – mulher, judia e emigrante – em forças e tornou-se uma autoridade na promoção da arte americana. Edith Halpert and the Rise of American Art (de 18 de outubro a 9 de fevereiro de 2020) no Jewish Museum, em Nova Iorque, presta-lhe homenagem e conta com cem obras de arte americana que passaram pela galeria de Halpert, assim como obras da sua coleção pessoal.
Onde? Jewish Museum (Nova Iorque)
Quando? De 18 de outubro a 9 de fevereiro de 2020
Na Escócia celebra-se a obra (e a vida) da fotógrafa, música e ativista americana Linda McCartney (1941-1998). A exposição Linda McCartney Retrospective, em Kelvingrove Art Gallery and Museum (até 12 de janeiro de 2020), tem curadoria do marido Paul McCartney e das filhas Mary McCartney e Stella McCartney e reúne material de arquivo, assim como objetos pessoais da artista. Ficaram célebres na sua carreira tanto os retratos de ícones musicais da década de 1960, como os retratos intimistas da sua própria família, duas vertentes de uma criativa com regras próprias.
Linda McCartney Retrospective
Onde? Kelvingrove Art Gallery and Museum (Escócia)
Quando? De 5 de julho a 12 de janeiro de 2020
Em Portugal, o MAAT traz a Lisboa a obra da artista canadiana Angela Bulloch (1966) – cuja obra já consta da coleção de Serralves – numa instalação concebida especificamente para a Galeria Oval que conta com um conjunto de trabalhos em vídeo, projeções, animações 3D, avatares e dispositivos de realidade virtual. Podem também ser vistas na exposição Angela Bulloch: Anima Vectorias (de 4 de outubro a 20 de abril de 2020) peças com assinatura da artista como as stacked columns e as wall paintings. Bulloch estudou em Londres, vive em Berlim e, além da cor, explora o potencial do som e do formato instalação na sua obra.
Onde? MAAT
Quando? De 4 de outubro a 20 de abril de 2020

E ainda…
Leonardo Da Vinci (de 24 de outubro a 24 de fevereiro de 2020) é uma grande retrospetiva que o Museu do Louvre apresenta a propósito dos 500 anos da sua morte. Além das 120 patentes, o museu vai expor a sua coleção de cinco quadros de Da Vinci (a maior do mundo!) e 22 desenhos, aos quais se juntam empréstimos de várias instituições de prestígio. No entanto, a famosa Mona Lisa manterá o seu lugar habitual no museu.
Onde? Museu do Louvre (Paris)
Quando? De 24 de outubro a 24 de fevereiro de 2020




Blog Judaico 
Receba nossa newsletter
Comece o dia com as notícias selecionadas  Clique e assine.




Postar um comentário

0 Comentários