16/10/1940: nazistas estabelecem o gueto de Varsóvia

   
16/10/1940: nazistas estabelecem o gueto de Varsóvia
 Maior dos guetos construídos.
16/10/1940: nazistas estabelecem o gueto de Varsóvia.

O Gueto de Varsóvia foi o maior de todos os guetos construídos pelos nazistas, chegando a ter uma população de 380 mil. Durou 3 anos, sendo destruído em mais um massacre nazista.
Após invadir a Polônia com sua tática de guerra conhecida como Blitzkrieg (guerra relâmpago), que consiste em invadir um país com ataques rápidos e coordenados ao mesmo tempo e de surpresa, a Alemanha começou a criar os guetos em que a população judaica era isolada. Em 16 de outubro de 1939, foi criado o maior e mais famoso deles, o Gueto de Varsóvia.

16/10/1940: nazistas estabelecem o gueto de VarsóviaHá exatos 79 anos era criado o Gueto de Varsóvia, que chegou a contar com uma população de 380 mil judeus, sendo 30% da população da cidade. Apesar de representarem essa porcentagem da população, o território do gueto ocupava cerca de 2,4% da cidade. A população do gueto era tratada com desprezo, fazendo com que recebessem uma ração diária menor do que 200 calorias. Doenças como o tifo alastraram-se facilmente pelo local por conta das condições em que a população vivia.

Os moradores do gueto sofriam todos os tipos de humilhação possíveis por parte dos militares alemães, como ter de se despir, cantar, dançar e fazer suas necessidades em público. Os soldados alemães praticamente possuíam o direito de fazer o que quisessem com os moradores do gueto. Sua população eram também formada por muitos judeus ortodoxos, o que era muito diferente dos judeus conhecidos pelos alemães na Alemanha. Uma das práticas comuns de humilhação era a de cortar as barbas dos judeus, o que era uma ofensa aos ortodoxos por ferir mandamentos da Torá.

Para conseguir ter maior controle sobre a população, foram criadas as Polícias Judaicas, que eram controladas pelos nazistas, mas eram formadas por judeus. Esses órgãos policiais controlavam a população dentro dos guetos, e foram fortemente combatidos posteriormente durante os levantes de resistência.
Colocando em prática a política de extermínio aos judeus, os alemães começaram a retirar os habitantes do gueto, levando-os ao campo de extermínio de Treblinka, a uma hora e meia de Varsóvia. Ao chegarem em Treblinka, os antigos moradores do gueto eram assassinados em câmaras de gás. A população do gueto foi reduzida a 90 mil habitantes.

Após ser drasticamente reduzida, em 1943 a população do gueto criou dois órgãos pelos quais foi possível organizar a luta contra os nazistas, a Organização da Luta Judaica e a União Militar Judaica. Foram os membros desses dois grupos que organizaram o Levante do Gueto de Varsóvia, maior ato de resistência nos guetos. Infelizmente foi contido pelos nazistas, que realizaram um massacre contra os habitantes matando pelo menos 56 mil pessoas.




Blog Judaico 
Receba nossa newsletter
Comece o dia com as notícias selecionadas  Clique e assine.




Postar um comentário

0 Comentários