• Ultimas

    Coisas Judaicas

    O Blog judaico

    13/05/2019

    Morro de São Paulo vira point de israelenses

     Morro de São Paulo vira point de israelenses Do píer no qual atracam os barcos que chegam ao Morro de São Paulo até a terceira praia, apenas na rua principal, 14 estabelecimentos exibem placas em hebraico. Tem pousada, restaurante, agência de turismo, pizzaria e até um carrinho de churros. Há ainda sinagoga, nativo com tatuagem em hebraico, pessoas que sabem falar o idioma e até crianças com nomes israelenses.

    Tudo por causa dos 'gringos' que vieram de Israel, a 9.309 km de Morro de São Paulo, uma das ilhas do município de Cairu, na Costa do Dendê, na Bahia. O único voo direto entre os dois países é o da Latam, que funciona três vezes por semana e demora 15h10 para vir de Tel Aviv a São Paulo.

    Um oceano (o Atlântico) e um continente (a África) parecem não intimidar os israelenses. Depois da vizinha Argentina, que tem 44 milhões de habitantes, o pequeno país do Oriente Médio, com população de apenas 8,7 milhões de pessoas, é o segundo que mais manda visitantes para a ilha, de acordo com a prefeitura de Cairu. Entre os visitantes de Morro, Israel está à frente da França, Itália e Espanha, cujas populações são ainda maiores que a da Argentina, apesar de haver um voo direto entre Salvador e Madri, a capital espanhola.

    Os números estaduais e nacionais apontam que Morro é mesmo o 'xodó' dos israelenses.

     Morro de São Paulo vira point de israelenses Pouco mais de 29 mil israelenses vieram ao Brasil. Menos gente do que vem da minúscula Suíça (69 mil), que tem 8,4 milhões de habitantes e do que da distante Austrália (33 mil), que fica a 29 horas e 38 minutos de voo com duas escalas. 

    Na Bahia, também não constam no top 10 de emissores de turistas, que é dominado por Argentina, Portugal, Espanha, Itália, França e Alemanha. A administração do arquipélago não informa o número de turistas de cada nacionalidade, mas comunicou, em nota, que Morro recebe 200 mil visitantes por ano.

    Fonte: https://www.correio24horas.com.br

    Um comentário:

    José Bonifácio disse...

    Como um descendente direto dos HEBREUS anteriormente SEMÉRIOS e não SUMÉRIOS, porque do nobre SEM, descendiam: também nascido no antigo distrito de PARAÍSO - BAHIA - BRASIL, MÚLTIPLO CIENTISTA AVANÇADO E ENERGÉTICO, que vem fazendo GRANDES DESCOBERTAS CIENTÍFICAS AVANÇADAS E ENERGÉTICAS, dentre as quais:

    Por ser o que chamam erradamente de UNIVERSO MATERIAL:

    UM MACRO CORPO ENERGÉTICO ATÔMICO PROJETADO, interligado não por primitivos sistemas de fios e sim através de PULSOS ELETROMAGNÉTICOS ENERGIZADORES EMITIDOS, infinitamente mais avançados do que se conhece como WI-FI:

    O que chamam erradamente de SISTEMA SOLAR: MACRO MODELO ENERGÉTICO ATÔMICO TERMONUCLEAR PROJETADO, é:

    O que chamam erradamente de SOL: DISTRIBUIDOR ENERGÉTICO ATÔMICO TERMONUCLEAR, é:

    E que o que chamam erradamente de LUA: ESTABILIZADOR ENERGÉTICO ATÔMICO PROJETADO DO NOSSO PLANETA: é.

    Tanto é, que ESTABILIZA a ROTAÇÃO e CICLOS DAS MARÉS: do nosso PLANETA.

    Sendo também dentre os homens, o maior defensor dos semitas como pode ser comprovado em minha DESCOBERTA CIENTÍFICA, postada no meu site DESCOBERTAS CIENTÍFICAS AVANÇADAS, digo:

    Estando em MORRO DE SÃO PAULO, BAHIA, BRASIL: estão no lugar certo.

    Comida Judaica

    Cultura

    Turismo