13 de mai. de 2019

Imã anti-Israel faz oração de abertura em sessão na Câmara dos EUA

Um imã que já desejou o fim de Israel, convocou uma terceira Intifada e comparou o Estado Judeu com a Alemanha Nazista, fez as preces na abertura de uma sessão da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos na última quinta-feira (9).

Imã anti-Israel faz oração de abertura em sessão na Câmara dos EUAOmar Suleiman, fundador e presidente do Instituto Yaqeen, uma organização de Dallas que se descreve como uma fonte sobre o Islã, referiu-se aos recentes ataques a locais de culto em seus comentários iniciais.
Em uma curta oração depois de ser introduzido pela deputada democrata Nancy Pelosi, Suleiman declarou:
“Não sejamos dissuadidos pelo ódio que ceifou a vida de adoradores inocentes em todo o mundo, mas encorajados pelo amor que os reuniu para lembrar de você e nos reunimos para lembrá-los.”
Apesar das palavras bonitas, Suleiman tem um longo histórico de declarações incendiárias nas redes sociais sobre Israel. As ofensas foram compiladas há dois anos por Petra Marquardt-Bigman, uma pesquisadora, e postadas no site de notícias judaicas Algeimeiner.

Em múltiplas ocasiões, Suleiman desejou que uma terceira Intifada Palestina, comparou as tropas israelenses aos nazistas, e desejou o fim do sionismo, chamando os sionistas de “inimigos de Deus”.
A congressista de Suleiman, deputada Eddie Bernice Johnson, do Texas, convidou-o para fazer as preces através de um formulário padrão na página do Gabinete do Capelão da Câmara, informa o site JTA.
O deputado Lee Zeldin, republicano de Nova York, que é judeu, disse em um comunicado que convidar Suleiman a fazer a oração de abertura foi um “terrível convite”.

SHARE THIS

Author:

O Coisas Judaicas cobre uma das partes mais complicadas e controversas do mundo, o Estado de Israel. Determinado a manter os leitores totalmente informados e capacitá-los a formar e desenvolver suas próprias opiniões, o Blog existe de 2005 e sempre procuramos dar a nossos leitores noticias e opiniões avalizadas. Sobre Israel, a região e o mundo judaico.

0 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não do Blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.Não publicamos comentários anônimos. Coloque teu URL que divulgamos