Por que grãos de bico e cerveja no Shalom Zachor?




Por que grãos de bico e cerveja no Shalom Zachor?Após o nascimento1 de um menino, é costume (especialmente entre os judeus azkenazis) realizar uma reunião festiva após a refeição do Shabat de sexta-feira à noite, chamada de shalom zachor. Os refrescos quase sempre incluem grão de bico (grão de bico) e cerveja. Para entender o porquê, precisamos entender as principais razões por trás do shalom zachor.
Primeiramente, estamos agradecendo a D'us que o bebê sobreviveu ao parto, assim como comemoramos e agradecemos por todo milagre que ocorre.2
Mas há outro elemento também. O Talmud nos diz que enquanto a criança está no ventre da mãe, um anjo lhe ensina toda a Torá. Porém, antes de o bebê nascer, o anjo da uma batidinha na boca do bebê, o que faz com que ele esqueça tudo o que aprendeu.3 O shalom zachor serve como um meio para que todos venham visitar e consolar a alma do bebê, que perdeu todo o seu aprendizado de Torá.4
Outros explicam que a alma do bebê está de luto pelo fato de ter caído neste mundo em que há tanta negatividade e impureza.5

A Comida do Luto

Assim, costuma-se servir o grão-de-bico no shalom zachor, uma vez que esses alimentos são tradicionalmente servidos aos enlutados, pois simbolizam o ciclo da vida.6 Outra razão para servir grão de bico a um enlutado é que a forma redonda não tem “boca” (abertura) e, em certo sentido, um enlutado também não tem “boca” para falar, consumido como está pelo seu luto.7

Celebrando a Continuidade Judaica

Alguns vêem uma mensagem embutida na palavra iídiche para grão de bico, "arbis", que é uma reminiscência da promessa que D'us deu a Avraham: "Eu multiplicarei (arbê, arbê – muito, muito) sua semente como as estrelas do céu".8 9

Por que a Cerveja

Outro alimento básico na maioria dos shalom zachors é a cerveja. No entanto, a origem desta prática não é muito clara.
Talvez a primeira menção de cerveja em um shalom zachor tenha sido do rabino Yaakov Halevi Lifshitz (1838-1921) de Kaunas (Kovno), Lituânia, em sua obra Zichron Yaakov, na qual ele narra a vida e a história dos judeus lituanos. Ele descreve como eles proclamaram na sinagoga após as preces de sexta-feira à noite que “fulano de tal” convida a congregação a um shalom zachor, e como no shalom zachor eles serviriam diferentes tipos de grãos e cerveja, ou uma diferente “bebida social”. (chamar mediná).10
Há espaço para especular que bebemos cerveja porque é feito de cevada, que é redonda (como feijão), ou talvez porque, no shalom zachor, há um costume de que as bebidas mais leves (em oposição a uma refeição completa) são servidas.11 Assim, servimos cerveja, que é considerada menos formal que o vinho.
Leia Mais: Cozinha Judaica
NOTAS
1.
O costume Chabad é realizar o shalom zachor no primeiro Shabat logo após o nascimento.. Veja Shevach Habrit 10: 2.
2.
Veja comentário de Rabeinu Chananel e Tosafot no Talmud, Bava Kama 80a, e Levush, Yoreh De’ah 265:12.
3.
Talmud, Nidá 30b.
4.
Derisha, final de Yoreh De’ah 264.
5.
Rabi Shlomo Kluger em Chochmat Hatorá, Tazria 12:2.
6.
Veja Shulchan Aruch, Yoreh De’ah 378:9.
7.
Talmud, Moed Katan 21b.
8.
Bereshit 22:17.
9.
Shefa Chaim, citado em Otzar Habrit 3:2:6, fn. 14.
10.
Zichron Yaacov, vol. 1, ch. 22.
11.
Veja Aruch Hashulchan, Yoreh De’ah 265:37.

Postar um comentário

1 Comentários

Cleusa Trindade disse…
Sou muito grata por tantos ensinamentos, com certeza, estou me tornando uma pessoa melhor, ao me conscientizar que o Eterno se faz presente até nos alimentos que ingerimos.
O quanto se tornou sagrado, o ato de me alimentar.