Presidente do Knesset está entre os mais votados nas primárias do Likud

Presidente do Knesset está entre os mais votados nas primárias do LikudCom cerca de 70% dos votos apurados nas eleições primárias do Likud, o presidente do Knesset, Yuli Edelstein, o ministro dos Transportes Israel Katz, o ex-ministro do Interior Gideon Sa'ar e o ministro da Segurança Pública Gilad Erdan aparecem como os mais votados. 

No início da apuração dos votos das primeiras 587 urnas de todo o país, Edelstein e Katz se revezavam entre os mais votados.
Os resultados sinalizam uma censura do partido ao primeiro-ministro Benjamin Netanyahu após críticas feitas pelo premier à candidatura de Sa'ar. Em declarações feitas pouco antes da votação, o premier acusou Sa'ar de conspirar para substituí-lo após a eleição de 9 de abril, e se recusou a incluir Edelstein, que tem atuado como presidente do Knesset desde 2013, em suas recomendações aos eleitores.
De fato, na maioria dos casos em que Netanyahu manifestou preferência por um candidato, ele não conseguiu apoio. David Amsalem e David Bitan, seus apoiadores e defensores em casos de corrupção em que o premier á acusado, não conseguiram obter ganhos e acabaram ficando no final da lista de candidatos a representar a bancada do partido nas eleições de 9 de abril (Raoul Wootliff, Times of Israel).

Postar um comentário

0 Comentários