O plano do Hezbollah para ataque terrorista em Israel

O plano do Hezbollah para ataque terrorista em IsraelO chefe das Forças de Defesa de Israel (FDI), Gadi Eisenkot, afirmou que o Hezbollah planejou atacar o Estado judeu.

O ataque foi planejado depois que o xeque Naim Qassem declarou à imprensa que o Hezbollah seria capaz de atacar qualquer ponto de Israel com seus mísseis.
Segundo o militar Gadi Eisenkot, o grupo terrorista do Líbano planejava usar seus túneis subterrâneos para invadir e atacar Israel, em uma operação surpresa, enviando de “1.000 a 1.500 combatentes para o nosso lado”.
O chefe israelense alegou que o Hezbollah também considerou a possibilidade de “um enorme bombardeio de artilharia das bases das FDI” como um possível meio para encobrir sua invasão.
Além disso, o grupo terrorista supostamente planejava assumir o controle de “um pedaço do território israelense e mantê-lo por semanas”.

Postar um comentário

0 Comentários