06/12/2018

Netanyahu reúne embaixadores para falar sobre operação contra túneis do Hezbollah

Netanyahu reúne embaixadores para falar sobre operação contra túneis do Hezbollah O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu comunicou nesta quinta-feira a cerca de 25 embaixadores reunidos em Misgav Am sobre a Operação Escudo do Norte, a operação para detectar e destruir túneis de ataque do Hezbollah. 

A Rússia enviou tropas na fronteira sírio-libanesa para impedir a transferência de armas e tecnologia guiada com precisão para o Hezbollah, segundo informou uma importante autoridade diplomática. O funcionário disse que este desdobramento, assim como ações das Forças de Defesa de Israel (IDFs) dentro da Síria para interromper a transferência dessas armas e tecnologia para a produção de mísseis de precisão, teve um impacto significativo, e que o Hezbollah só conseguiu converter "em algumas dúzias? os seus estimados 140.000 mísseis no Líbano em mísseis guiados por precisão. 

O funcionário disse que o Hezbollah esperava ter convertido milhares de mísseis em mísseis guiados por precisão. Israel está agindo "sistematicamente e com determinação" para impedir o Hezbollah e o Hamas a terem acesso a sua arma estratégica, que são os túneis, disse o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu a embaixadores estrangeiros durante um encontro no norte do país. "Vamos agir sempre que for necessário", disse ele. 

Netanyahu acrescentou que os túneis do Hezbollah são apenas uma expressão da agressividade do Irã na região. Ele pediu aos embaixadores para condenar a violação da soberania de Israel e apoiar maiores sanções contra o Hezbollah. "Nossa ação [contra os túneis] está apenas no estágio inicial", disse ele. "Mas no final a arma do túnel, na qual o Hezbollah investiu tanto dinheiro, não permitirá que ela exista ou seja eficaz", destacou. 

Ontem, Netanyahu comunicou ao secretário-geral da ONU, António Guterres, que vê com "grande gravidade" os túneis construídos pelo Hezbollah e pediu que as Nações Unidas apoiem a aplicação de mais sanções ao grupo xiita libanês (Herb Keinon, JPost).

Compartilhe

Author:

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico.

0 comentários: