Cinco dicas para quem vai a Jerusalém

Cinco dicas para quem vai a Jerusalém
No centro de Jerusalém, a quinze minutos a pé das vielinhas de paralelepípiedos da Cidade Antiga, surgiram restaurantes e boutiques badalados, e cafés que fazem as vezes de casas de espetáculos de fim de noite. 

A clientela jovem e tatuada oferece um contraste curioso com os peregrinos que zanzam pelas ruas. 

O cenário tecnológico, cada vez mais marcante – são mais de 500 startups instaladas ali – também contribui com a metamorfose. Como também as escolas de arte, frequentadas por cerca de 2.500 alunos, muitos dos quais são beneficiados por iniciativas públicas e ONGs. 

Resultado de imagem para Beit Ya'akov Street 10; machneyuda.co.il/homepageA energia criativa local pode ser vista em toda sua glória no Mercado Machane Yehuda, também no centro. A estrutura do século XIX, onde se encontra todo tipo de especiarias, carnes, flores, legumes, frutas e verduras, recentemente ganhou novas atribuições: depois do pôr do sol, é palco de uma vida noturna agitada, com apresentações de DJs. Em seu espaço labiríntico, cervejarias, casas de tapas e falafel e restaurantes descolados abrem suas portas grafitadas para receber um público para lá de multiculural e eclético. 

 Machneyuda 

Resultado de imagem para MachneyudaPara quem quer uma refeição com ares festivos, esse restaurante que há nove anos funciona dentro do Mercado Machane Yehuda, comandado pelos chefs prestigiados Assaf Granit, Yossi Elad e Uri Navon, simboliza o espírito e os sabores da Jerusalém contemporânea. Você certamente desfrutará de pratos como salada fatuche com queijo Bryndza, minissanduíches de carne seca recobertos com aioli de chipotle e "shikshukit", carne de cordeiro moída com tahine e limão, ao som do melhor funk árabe. E quando os garçons chegarem batendo panelas, saiba que é hora de dançar. 

 Beit Ya'akov Street 10; machneyuda.co.il/homepage Villa Brown Jerusalem 

Resultado de imagem para Villa Brown Jerusalem Em uma cidade cheia de opções de hospedagem enormes e modernas, essa mansão otomana transformada em boutique hotel, com 24 quartos, foi inaugurada no ano passado e é perfeita para quem quer bom gosto e aconchego. O terraço na cobertura, o jardim coberto de buganvílias e um wine bar subterrâneo decorado como cisterna antiga dão ainda mais charme a uma propriedade já cheia de estilo. 

Ha-Nevi'im Street 54, brownhotels.com/villa Gatsby 

 Seguindo o padrão do verdadeiro speakeasy, esse bar de coquetéis inspirado na década de vinte é tão estiloso quanto difícil de achar, funcionando atrás de uma porta sem sinalização nenhuma, em meio a várias lojinhas comuns. Versões teatrais dos clássicos – como o Gatsby Sazerac, com direito a maçarico em uma taça coupe – são a marca registrada da casa. 

Cinco dicas para quem vai a Jerusalém  Hillel Street, 18. facebook.com/GatsbyJerusalem 

 Sofia Oito anos atrás, quando Miri Ashur Zuta abriu sua loja, uma boutique de alta moda em uma cidade tão conservadora parecia um contrasenso. Entretanto, o negócio não só vingou como suas peças elegantes, feitas no próprio país, viraram referência para visitantes e o pessoal local em busca de opções alternativas.  

2 Bezalel Street; facebook.com/SofiaDesignersGallery/ 

 Hamiffal no Centro Cultural Lorenzo 

 Com instalações sempre mutantes no elevador, nos banheiros, penduradas nas vigas e espalhadas pelo jardim impregnado pelo aroma de alecrim, uma mansão meio em ruínas do século XIX foi transformada (com verba da Fundação Jerusalém) na Hamiffal, ou "a fábrica". Nessa coletiva de arte e plataforma criativa, o visitante pode admirar e comprar obras de artistas locais, participar de eventos que vão desde concertos (de clássicos e eletro-românticos ao rap hassídico) a exibições de filmes e brechós pop-up. Ou apenas tomar um café e beliscar alguma coisa sob os belíssimos afrescos do teto. 

 Ha-Ma'aravim Street 3, http://hamiffal.com/english/ Por Amy Tara Koch
Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner