18 de Elul

18 de Elul18 de Elul, comemora o aniversário de nascimento em 5458 (1698) do Baál Shem Tov, fundador do Chassidismo, e em 5505 (1745) de Rabi Shneor Zalman, fundador do movimento Chabad-Lubavitch e Primeiro Rebe de Lubavitch.
O termo Elul significa introspecção, ou seja, voltar-se para o interior de si mesmo e ponderar sobre o sentido da vida, procurando se auto-analisar em relação à maneira como proceder no decorrer da mesma. É exatamente durante este mês, que marca o fim de um ano de existência e a proximidade de um novo ano, que o ser humano deverá se recolher em meditação, examinando seus atos e arrependendo-se sinceramente dos erros cometidos.
Através dos ensinamentos chassídicos, o Baál Shem Tov, fundador da Chassidut, afirmou que o homem pode e deve servir a D'us. Qual seria a maneira mais fácil de consegui-lo? Imaginemos uma usina geradora de eletricidade, cujos fios estão a ela ligados através de uma variedade de dispositivos.
Para que se possa estabelecer uma conexão com a referida usina, torna-se necessário acionar o botão que faz com que o seu contato com a usina consiga transformar uma vida de desespero e aflição, em harmonia e felicidade. Esta relação é, às vezes, imprevisível; ninguém sabe de imediato como ela se processa.
Da mesma maneira, as vezes basta apenas uma simples palavra para conseguir revelar a fonte de uma alma judaica. Este foi o trabalho de Baál Shem Tov: despertar em cada um, desde o mais humilde, seu potencial de servir a D'us e amar seu próximo.
Rabi Shneor Zalman, o primeiro Rebe do movimento Chabad-Lubavitch, por sua vez, demonstra a maneira de se estabelecer esta ligação. Afirma ele, que este mundo representa um degrau a mais, o último na longa cadeia das esferas. Quando um judeu ativa sua centelha Divina e se une a D'us através da oração, do estudo da Torá e do cumprimento das mitsvot, preceitos, poderá desencadear alterações no mundo físico, acima de qualquer previsão. E este poder de transformar não é privilégio de um só judeu, mas de todos.
Essas duas personalidades, nascidas no dia dezoito deste mês, número que corresponde à palavra "chai" ("vivo", usado no sentido de "vida"), quiseram e conseguiram, através de seu exemplo e ensinamentos, imprimir uma vibração mais profunda no serviço de cada judeu neste mês de Elul.
Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner