Parashat Emor


    Parashat Emor  Nossa Parashá nos conta (entre inúmeros assuntos) sobre o Shabat.

Os "Dez Mandamentos" aparecem duas vezes na Torá. Na primeira vez , em Parashat Ytró , está escrito: "Lembre-se (Zachor) do dia do Shabat para santificá-lo .

Na segunda vez, em Parashat Vaetchanan, está escrito "Guarde (Shamor) o dia do Shabat para santificá-lo".

Nossos Sábios nos contam que quando ouvimos os Dez Mandamentos no Monte Sinai, as palavras "Zachor" (Lembre-se​) e "Shamor" (Guarde) foram ditas em uma palavra só, ditas e ouvidas de uma maneira sobrenatural .

Da palavra "Shamor" aprendemos que o Shabat entra na categoria de Mitzvá chamada de "Ló Taassé" ("não faça") e da palavra "Zachor" aprendemos que o Shabat entra na categoria de Mitzvá chamada de "Assé" ("faça").

A regra é, que quando uma "Mitzvat Assé" cai sobre uma "Ló Taassé" (como no caso de o oitavo dia do "Brit Milá" cair no Shabat) o "Assé" (do "Brit") anula o "Ló Taassé" (do Shabat) no assunto específico dela (nesse caso, o de cortar o prepúciozinho do nenê).

Quando a regra da Torá tem alguma exceção, como no caso da Mitzvat Assé da construção do Mishkan que não anulou o "Ló Taassé" do Shabat, a própria Torá tem que trazer a exceção da regra para cada caso específico.

Aprendemos na profecia de Yeshaiau Hanaví que o Shabat tem que ser um prazer.

Mas o que é um prazer? Com certeza o contrário da aflição!

A Torá usa a palavra aflição em relação à proibição de comer e beber no Yom Kipur , e daí nossos Sábios concluem que no Shabat temos a obrigação de comer e beber do bom e do melhor em um ambiente iluminado pelo menos à luz de velas.

E daí surge a Mitzvá de acender as velas de Shabat e fazer o Kidush com vinho e chalot. Deixar um fogo aceso coberto pela "plata" com a comida quente que vamos comer no Shabat.

Aprendemos os 39 trabalhos proibidos no Shabat dos 39 trabalhos feitos para construir o Mishkan.

Esses 39 trabalhos são matrizes com ramificações fazendo com que o número de trabalhos proibidos no Shabat fica um pouco maior.

Nossos Sábios, usando o direito que a Torá lhes deu de "O que é decretado no Beit Din aqui embaixo é decretado no Beit Din lá em cima" fizeram algumas cercas em volta da Torá para nos proteger de fazermos uma transgressão.

As leis de "Muktse" são um exemplo dessa preocupação que eles tiveram por nós .

Um objeto de uso especificamente proibido no Shabat, como por exemplo, um isqueiro (que só serve para acender fogo, ação proibida no Shabat) , ou uma caneta (que só serve para escrever, que também é proibido no Shabat) são chamados de "Muktse" e se torna proibido tocar neles no Shabat.

Em caso de dúvida em relação a um perigo de vida durante o  Shabat devemos fazer tudo o que for necessário para a pessoa que está necessitando.

Por exemplo: quando uma mulher precisa dar a luz, levamos ela para o hospital de carro.

Caso uma criança tenha ficado em casa , você deixa a mulher dando a luz no hospital e volta para cuidar das crianças porque crianças pequenas sem alguém cuidando também são um perigo de vida.

Tudo o que é necessário para socorrer alguém está liberado no Shabat, mas só o que é necessário para isso como ligar o carro, ir para o hospital e voltar para cuidar das crianças sem desligar o carro (deixe alguém que não é judeu desligar)

Preparativos para o Shabat:

Está escrito que temos que nos lembrar do Shabat. Para se ter um Shabat pronto temos que planejar com antecedência.

Para facilitar para quem está começando, lá vão umas dicas básicas. Escrevemos essas dicas principalmente para quem mora no interior e não tem facilidade em comprar as coisas para Shabat.

Como fazer em casa o seu vinho para o Kidush:

Pela Halachá um suco de uva verdadeiro também é considerado vinho  para o Kidush, aqui vai uma receita para fazer o seu suco de uva “bore pri hagafen” para todos os Shabatot do ano, principalmente se você tem crianças em casa

Modo de preparo

1- Compre uvas de qualquer tipo, lave as uvas, separe elas dos galhos e coloque elas dentro de uma panela (de preferência de pressão)

2- coloque a mão sobre as uvas e adicione água e açúcar . Essa água e açúcar tem que preencher somente os espaços entre as uvas e você coloca a mão em cima para elas​ não flutuarem em cima da água com açúcar sendo que a água com açúcar tem que preencher somente os “buraquinhos” entre as uvas mas não pode cobrir elas por cima nem se acumular separadamente no espaço de baixo caso elas flutuem, por isso você não deixa elas flutuarem.

3- Tampe a panela  , acenda o fogo e deixe ferver um pouquinho.

4- Penere o conteúdo da panela para uma jarra apertando e amassando totalmente as uvas dentro da peneira com uma colher até que todo o suco passe pela peneira e sobre dentro da peneira somente uma polpa .

5- Coloque o suco em garrafas ou em uma jarra.

6- Mantenha o suco na geladeira e só retire para as refeições.

Agradecemos o Reb Avrohom Arbeter pela receita.

Mais receitas para Shabat você pode encontrar no nosso site

https://ongtora.com/culinaria/

Sendo que está escrito que o Shabat tem que ser um prazer, nossos Sábios decretaram a obrigação de deixar a comida pronta e quente e acender as velas de Shabat antes do pôr do sol da sexta feira sendo que está escrito explicitamente para não acender fogo durante o Shabat .

A eletricidade foi classificada como fonte de fogo e por isso acendemos tudo o que precisa estar aceso no Shabat antes de acender as velas (não podemos apagar essas coisas durante o Shabat a não ser em caso de perigo de vida) .

Ou seja, a luz da sala cozinha e banheiro e a chapa de Shabat que chamamos de plata devem ser acesas antes do Shabat.

A plata é uma placa de alumínio que pode ser encomendada de acordo com a medida do seu fogão , você deve pedir para fazer uma dobradinha de um centímetro nas extremidades para ela não ficar cortante e deve ser dobrada uns 8 centímetros na frente para cobrir os botões do fogão.

A plata pode ser encomendada em qualquer fabriquinha de calhas (peça um material grosso para não entortar com o fogo nas 25 horas que vai estar em cima do fogo baixo) .

Então acenda um fogo baixo , coloque a plata em cima dele e as panelas com a comida pronta em cima da plata.

A quantidade de água dentro da panela deve ser planejada de acordo com o número de horas que ela vai ficar em cima da plata.

Uma janela deve estar um pouquinho aberta para entrar ar e todos os cuidados devem ser tomados para que o fogo não se apague sozinho no meio do Shabat e não haja vazamento de gás (não deixe panos ou plásticos perto dela para não pegar fogo).

Centenas de milhares de judeus religiosos fazem assim no mundo inteiro e com o tempo você pega experiência.

Se o seu gás é de botijão você pode comprar uma balança de banheiro e colocá-la fixamente embaixo do botijão para calcular quando ele vai acabar para trocar o botijão antes do Shabat.

Conclusão: D’us criou o mundo em seis dias e no sétimo não criou nada , e para demonstrar claramente que acreditamos que somente Ele é o Criador, não fazemos trabalhos no Shabat .

Então, vamos nos lembrar todos os dias do Shabat e preparar um Shabat bem gostoso cada semana melhor!

🌷🌷🌷🌷🌷🌷🌷🌷🌷🌷🌷🌷
Agradecemos à Fernanda e Elias Messer que por meio da sua empresa Line Life apóiam a  nossa ONG TORÁ

Nossos agradecimentos também à querida família Nasser, às famílias Gueler e Rabinovich, à empresa Neeman despachantes aduaneiros à Francis e Fábio Grossmann (grupo Facislito) ,à Roger Ades e família, à querida família Guttmann, e à família Worcman grupo  hotel Rojas, ao Sr Idevaldo Mamprim, grupo Remaza


À Família Grinszpan, à Samy Sarfatis Metta , à Paola Yael Marino , à Lígia Marie,

à empresa Adar Tecidos , à nossas voluntárias e à todos vocês que lêem a nossa Parashá.


Que Hashem dê à eles e à todos vocês muito sucesso, muita saúde, muito dinheiro e felicidades judaicas de toda a família!


Para o horário das velas de Shabat acesse ao site

http://pt.chabad.org/calendar/ zmanim_cdo/aid/900177/jewish/H orrio-Halchico.htm e escreva o nome da sua cidade


🌷🌷🌷🌷🌷🌷🌷


Nosso projeto ONG TORÁ ISRAEL continua precisando de um apoio especial


Nosso novo e-mail é ongtoraisrael@yahoo.com.br .


Receba-o com carinho, e mesmo se você não puder doar alguma coisa responda o e-mail com um Yashar Coach para a Edna, nossa voluntária que está dedicando à esse projeto de corpo e alma


Nossos agradecimentos à Yehuda e Laura Carmi que já apoiam esse projeto!

Se você também quiser ter o mérito de participar, entre em contato diretamente com a nossa voluntária que está cuidando dele  Full time.
Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner