Manchas no corpo

www.coisasjudaicas.comLikutei Sichot Vol. 32. – Publicado em L’Chaim
Em Parashat Metsorá uma das leis referentes ao mal bíblico da tsaráat, manchas, parece um tanto estranha. Se alguém tivesse uma erupção clara na pele, ou um pêlo branco em alguma parte do corpo, era sinal da doença, e ele era declarado “impuro” pelo Cohen. Se, porém, a “lepra” cobrisse todo o seu corpo, era declarado puro. “[Se] ficou todo branco, está puro”, repete a Torá.
Como pode ser que se a “lepra” estiver limitada a uma área, a pessoa está impura, mas quando espalhada pelo corpo inteiro está pura?
Há duas explicações possíveis:
O único motivo para ser considerada pura é que é esta a vontade de D’us. De acordo com a lógica, uma pessoa cuja “lepra” cobre todo o seu corpo deveria estar impura. D’us, porém, decretou que ela está pura.
A própria lei é lógica. Quando a lepra aparece apenas em uma parte da pele da pessoa, é óbvio que ela está sofrendo de uma doença. Se cobrir toda a superfície de sua pele, mostra que aquela é sua constituição e sua natureza, e não é sintoma de uma doença.
O Talmud cita esta lei relacionando-a ao conceito da redenção, utilizando a “lepra” como metáfora para o pecado. “O descendente de David só chegará quando toda a autoridade se tornar herética”, isto é, quando a iniquidade for sancionada oficialmente e estiver espalhada pelo mundo todo.
Agora, fazemos a mesma pergunta que foi feita a respeito da lepra: se o mundo inteiro estiver envolto em trevas, como será possível que a luz da Redenção penetre? Será que a Redenção acontecerá, justamente, quando o mal for tão intenso que se apodere do mundo inteiro?
Novamente temos duas explicações para resolver nosso dilema:
Não há lógica. Mashiach só chegará quando D’us assim decretar. Portanto, virá sem ter nada a ver com a situação do mundo. Um D’us eterno e todo poderoso pode trazer Mashiach no momento que desejar e apesar de toda a degradação do mundo.
A propagação do mal através do planeta demonstra que algo incomum está acontecendo. Se não fosse assim, alguns bolsões de moralidade teriam restado. A supremacia absoluta do mal mostra que todas as forças negativas foram exteriorizadas, tendo sido totalmente derrotadas por dentro.
De modo que o fenômeno de “toda a autoridade se tornar herética”, é parte do processo de purificação do Universo, um processo de separação entre o bem e o mal, que acabará culminando com a revelação de Mashiach, quando o mundo estará suficientemente preparado para a luz da Redenção.
Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner