NÃO ao antissemitismo

NÃO ao antissemitismoOntem, protocolei denúncia junto ao Ministério Público de Ribeirão Preto no sentido de averiguar texto desrespeitoso e antissemita da lavra de Lelê Teles em plataforma mantida por Leonardo Attuch. 

No texto o escritor se referia aos judeus como "filhos da puta" usando palavras de baixo calão para adjetivar várias figuras bíblicas, o que torna o texto afrontoso não só a judeus, mas também a cristãos e muçulmanos. 

Não se trata de uma representação criminal, como fizeram entidades oficiais judaicas, mas sim uma simples petição denunciando o fato, algo que qualquer um do povo pode fazer -para denunciar não precisa ser advogado. 

Após minha assinatura, frisei a necessidade de manter em nosso país a harmonia e a boa convivência entre todos as raças e credos: a característica marcante do brasileiro é o acolhimento e a tolerância. 

A palavra de ordem é COEXIST - NÃO a todo tipo de discriminação. 

NÃO ao desrespeito. 

NÃO ao antissemitismo. 

Bom Dia!

Tamara Segal

Postar um comentário

0 Comentários