Preçe: Coração, mente e alma.

Preçe: Coração, mente e alma.

Prece é para o espírito humano aquilo que o exercício é para o corpo. Tento dar meus 10.000 passos por dia. Nem sempre consigo, mas me sinto mal quando não faço, porque eu sei, com meu estilo de vida sedentário, que se não me exercitar, todos os tipos de coisas vão dar errado. Vou ganhar peso, meus músculos vão ficar fracos, minha pressão sanguínea vai subir, e minha expectativa de vida vai declinar. Perderei anos de minha vida, e vida dos meus anos. E sim, 10.000 passos numa esteira às vezes podem ser bastante sem graça. Mas você faz isso porque sabe o que irá acontecer se não fizer.

E o mesmo é verdade sobre a prece. Apenas não temos o mesmo tipo de medidas exatas para o espírito que temos para o corpo. Não é tão fácil quantificar as sensações de felicidade, plenitude, significado, gratidão, prazer, deleite, alegria. Mas elas fazem a diferença. Na verdade elas fazem toda a diferença no sentido de bênção, de uma vida bem vivida.

E agora sabemos, graças à pesquisa de pessoas como Martin Seligman, Ed Diener, Sonja Lyubomirsky e Tal ben Shahar que felicidade, o florescer do espírito humano, tem um efeito sobre a saúde e expectativa de vida. Fortalece o sistema imunológico. Está relacionada com sucesso na educação, carreira e relacionamentos. Vira-nos para fora e nos deixa menos propensos a sofrer de solidão e desespero.

É que apenas parecemos ter esquecido que a prece é para o espírito aquilo que o exercício físico é para o corpo. Meditação, sim. Plenitude da mente, com certeza. São coisas elegantes, e certamente não há nada de errado com elas. A prece judaica, quando é feita da maneira certa, é uma forma de meditação e plenitude da mente.

Mas é também muito mais, assim como a felicidade é tanto mais. É mais que um momento de serenidade numa vida que de outra forma seria plena de estresse, ansiedade e desapontamento. A prece judaica é sobre gratidão e resistência, perdão e amor. É sobre canção e dança, exuberância e júbilo. Vá a um casamento judaico e você saberá o que significa, e às vezes a prece poderia ser sentida como um casamento judaico. Trata-se de celebrar a vida.

O espírito precisa da prece da mesma maneira que o corpo precisa de exercício, e às vezes a prece pode ser entediante, da maneira que o exercício pode ser, mas você faz isso porque sabe que vai tornar você energizado, focado, revitalizado. Vai fazer de você um ser humano melhor, maior, mais profundo. Durante a melhor parte de quatro mil anos os judeus têm estado entre os especialistas do mundo sobre espírito humano, e muito disso tem a ver com a maneira que rezamos. E isso pode mudar a sua vida.
Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner