Conselho de Segurança da ONU renova mandato da missão de paz no Líbano

Conselho de Segurança da ONU renova mandato da missão de paz no LíbanoO Conselho de Segurança das Nações Unidas estendeu na quarta-feira (30) o mandato das forças de paz que atuam no Líbano para até 31 de agosto de 2018.

Em resolução aprovada por unanimidade, o órgão de 15 membros solicitou ao secretário-geral que analisasse formas de intensificar os esforços da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL), incluindo pelo aumento da presença visível da missão, por meio de patrulhas e inspeções, dentro de seu mandato e capacidade existentes.
O Conselho de Segurança das Nações Unidas estendeu na quarta-feira (30) o mandato das forças de paz que atuam no Líbano para até 31 de agosto de 2018.

Em resolução aprovada por unanimidade, o órgão de 15 membros solicitou ao secretário-geral que analisasse as formas de intensificar os esforços da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL), incluindo pelo aumento da presença visível da missão, por meio de patrulhas e inspeções, dentro de seu mandato e capacidade existentes.

Originalmente estabelecida em 1978, a UNIFIL foi amplamente reforçada após os confrontos de 2006, a fim de supervisionar o cessar as hostilidades entre Israel e o grupo libanês Hezbollah. A missão está encarregada de garantir que a área chamada de “Linha Azul” — separando Israel e Líbano — e o rio Litani estejam livres de armas, pessoas e ativos não autorizados. Ela também coopera com as Forças Armadas Libanesas para que possam cumprir suas responsabilidades de segurança.

O mandato inicial da UNIFIL incluía confirmar a retirada das tropas israelenses do sul do Líbano, além de apoiar o governo libanês a retomar sua autoridade na área.

O Conselho afirmou seu compromisso contínuo com o mandato existente da missão da ONU. Pediu ainda a cooperação de todas as partes para que, juntamente com o secretário-geral, possam fazer progressos tangíveis na busca por um cessar-fogo permanente e de uma solução a longo-prazo, tal como previsto na resolução 1701, que ajudou a acabar com as hostilidades entre Israel e Hezbollah no Líbano, em 2006.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, cumprimentou a decisão de estender os trabalhos das forças de paz no Líbano, afirmou seu porta-voz, Stéphane Dujarric, em comunicado.

Guterres reiterou que a UNIFIL, em estreita cooperação com as Forças Armadas libanesas, continuará a melhorar as atividades operacionais para implementar efetivamente seu mandato, pedindo à comunidade internacional maior apoio ao governo do Líbano nesse sentido, disse o porta-voz.

O secretário-geral enfatizou também a necessidade de todas as partes construírem uma calma duradoura, focando em um cessar-fogo permanente e agindo de forma proativa para que a solução 1701 e outras relevantes sejam implementadas, acrescentou Dujarric.
Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner