Header Ads

  • Breaking News

    Evento discute imigração e literatura judaica em SP

    Evento discute imigração e literatura judaica em SP
    O Memorial da Imigração Judaica realiza nesta quarta-feira (30), a partir das 19h, um seminário que discute a importância da imigração e da cultura judaica para o Brasil. Com o tema "A expressão da Literatura iídiche na imigração judaica para o Brasil", o evento contará com participação do ator e diretor Sérgio Mamberti e será mediado pelo professor Syvio Band.
    Utilizada por comunidades judaicas na Alemanha, Argentina, Estados Unidos, Bélgica, Israel, Brasil e diversos outros países, a literatura iídiche foi desenvolvida no século 19 e hoje é considerada parte do patrimônio cultural dos judeus brasileiros.
    Os judeus ultra-ortodoxos, que em sua maioria vivem em Nova Iorque e Israel, são os que mais fazem uso desse idioma, que nasceu do dialeto utilizado por uma família indo-europeia. Ela é escrita com caracteres do alfabeto hebraico moderno e em sentido oposto ao da escrita ocidental, sendo lida da direita para a esquerda. Calcula-se que um grupo de 1 milhão a 3,2 milhões de judeus fala o iídiche.
    Arquitetura Judaica
    Até o dia 21 de setembro, visitantes do Memorial também poderão visitar uma exposição sobre a história e a arquitetura de candelabros judaicos, estruturas que suporam sete lâmpadas e hoje formam um grande símbolo da religião judaica. A exposição conta com estruturas de origens e séculos diferentes, de diversos países. A entrada ao evento também é franca.
    O Memorial da Imigração Judaica está localizado na Rua da Graça, 160, no Bom Retiro, região central de São Paulo.

    Nenhum comentário

    Deixe sua opinião

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad

    Web Statistics