4 de ago. de 2017

Bancos de ônibus ou mulheres de burca?

Bancos de ônibus ou mulheres de burca?Membros de um grupo de Facebook anti-imigração se tornou motivo de piada em Oslo, capital da Noruega, após confundir uma foto de assentos vazios em um ônibus com mulheres de burca.

Bancos de ônibus são confundidos com mulheres de burca em post de grupo anti-imigração

Um homem chamado Johan Slattavik inicialmente postou o registro e escreveu: "O que as pessoas pensam disso?". Em seguida, muitos membros do grupo fechado iniciaram os comentários confundindo os bancos com mulheres islâmicas.
"Parece muito assustador, devia ser proibido", postou um internauta. "Você nunca sabe quem está por baixo disso. Podem ser terroristas armados", comentou outro. "Não deveria ser legalizado", opinou um terceiro.
Por outro lado, algumas outras pessoas chegaram a alertar, no próprio post, sobre a confusão visual: "Quem poderia imaginar que assentos vazios pudessem gerar tantos comentários de ódio", alfinetou um membro do grupo.
Sindre Beyer, ex-político local, postou o incidente em sua página pessoal, após ter ingressado no grupo fechado por curiosidade, como um experimento. "O que acontece quando uma foto de assentos vazios é publicada em um asqueroso grupo de Facebook e quase todos os membros veem um monte de burcas?", provou Sindre em sua postagem.
Sindre Beyer
Hva skjer når det legges ut et bilde av noen tomme busseter på en brungrumsete gruppe på Facebook og nesten alle tror de ser en gjeng med burka ?😳
Nenhum texto alternativo automático disponível.
A imagem pode conter: 1 pessoa
A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo
A imagem pode conter: 2 pessoas
A imagem pode conter: 1 pessoa
Mais 19

SHARE THIS

Author:

O Coisas Judaicas cobre uma das partes mais complicadas e controversas do mundo, o Estado de Israel. Determinado a manter os leitores totalmente informados e capacitá-los a formar e desenvolver suas próprias opiniões, o Blog existe de 2005 e sempre procuramos dar a nossos leitores noticias e opiniões avalizadas. Sobre Israel, a região e o mundo judaico.

0 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não do Blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.Não publicamos comentários anônimos. Coloque teu URL que divulgamos