Arqueólogos encontraram provas sobre destruição de Jerusalém

“Cerco e destruição de Jerusalém”, óleo em tela (1850)
de David Roberts David Roberts (1796–1864)
Arqueólogos encontraram provas da história da Bíblia sobre destruição de Jerusalém

Uma equipe de arqueólogos que investiga a Cidade de David, em Jerusalém, encontrou provas históricas de que uma passagem da Bíblia, sobre a destruição levada a cabo pelos Babilônios, aconteceu mesmo.
Está em causa o grande incêndio que terá sido ateado pelos Babilônios, sob o comando do rei Nabucodonosor, e que destruiu Jerusalém, por volta de 587 antes de Cristo. Os arqueólogos encontraram artefatos queimados, datados de há 2.600 anos, que confirmam a história descrita na Bíblia.
Estes vestígios, que incluem “cerâmica queimada, madeira, sementes de uva e ossos cobertos por camadas de cinzas”, além de “pontas de seta da Babilônia”, conforme refere o site Iflscience.com, foram encontradas no Parque Nacional das Muralhas de Jerusalém.
Os arqueólogos da Autoridade das Antiguidades de Israel (AAI) acreditam que são provas do relato que é feito no Livro de Jeremias que refere que os Babilônios “queimaram todas as casas de Jerusalém“.
Os objetos foram encontrados por baixo de múltiplas camadas de pedra na Cidade de David, entre dezenas de recipientes de cerâmica que foram usados para armazenar grãos e líquidos. Foram as alças estampadas e os selos de roseta destes jarros que permitiram concluir que os artefatos têm 2.600 anos.
“Estes selos são característicos do fim do período do Primeiro Templo. Foram usados pelo sistema administrativo que se desenvolveu no final da dinastia da Judeia”, explica o arqueólogo que lidera as escavações, Joe Uziel, num vídeo divulgado pela AAI.
“Mas parece que nem todos os edifícios foram destruídos num evento único. Parece que alguns foram destruídos e outros foram abandonados“, acrescenta Joe Uziel.
Os indícios encontrados apontam nesse sentido e os investigadores acreditam que nem toda a cidade foi destruída pelo grande incêndio, como sugere a Bíblia.
De qualquer modo, os arqueólogos sustentam que, além de uma história bíblica, o grande incêndio de Jerusalém foi também um acontecimento histórico real.


Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner