Hamas da ultimatum a Israel

Hamas da ultimatum a IsraelO braço armado do Hamas deu 24 horas a Israel, nesta terça-feira (2), para responder às demandas de centenas de prisioneiros palestinos em greve de fome desde 17 de abril, sob a ameaça de sofrer as consequências.
“Advertimos ao inimigo que não ignore as demandas justas e legítimas dos prisioneiros e damos 24 horas à liderança inimiga para responder”, declarou um porta-voz das Brigadas Ezzedin al-Qassam em uma gravação.
Em caso contrário, “Israel pagará todo o dia o preço do adiamento de sua resposta”, acrescentou o comunicado, sem especificar qual seria o tipo de resposta.
O grupo antecipou apenas que poderá exigir, no futuro, um maior número de seus prisioneiros libertados em troca de combatentes israelenses.
A greve de fome dos palestinos teve início em 17 de abril em protesto pelas condições nos presídios. De acordo com a imprensa palestina, no início, a greve contou com a adesão de 1.500 detentos. Recentemente, um ministro israelense garantiu que cerca de 300 presos abandonaram o movimento, e que mais de 900 resistem.

O Hamas assegura ter dois soldados israelenses em seu poder. Israel acredita que eles já estejam mortos e exige que seus corpos sejam devolvidos.

Share on Google Plus

About Coisas Judaicas

No Coisas Judaicas, fazemos de tudo para manter nossos amigos e visitantes bem informados. Todo mês, mais de 45 mil visitantes do mundo inteiro procuram nosso Blog para ler sobre:Judaísmo, Israel e o mundo judaico. É a nossa missão

0 Comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião

[Fechar]

Receba gratuitamente o melhor conteúdo do Coisas Judaicas no seu e-mail e fique sempre atualizado.

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner