Header Ads

  • Breaking News

    Ruth Handler, Svetlana Alliluyeva e Golda Meir

    Golda Meir 
    Barbie, exílio de filha de Stálin e primeira mulher a governar Israel


    Nesta semana, no passado, três mulheres entraram para a História: Ruth Handler, Svetlana Alliluyeva e Golda Meir - por motivos bem diferentes entre si.

    Em 9 de março de 1959, Barbara Millicent Roberts, a tão famosa boneca Barbie, chegou às lojas pela primeira vez. Ela foi criada por Ruth Handler e seu marido, Elliot Handler, como homenagem à filha do casal.

    À época, as bonecas vendidas pela Mattel tinham apenas um modelo: loira, magérrima e de pele e olhos claros. Hoje, a empresa tem diversificado sua produção e já inclui outros tons de pele, cores de olho, penteados e tipos de corpo distintos.
    Svetlana Alliluyeva

    Em 6 de março 1967, Svetlana Alliluyeva, filha do falecido ditador Josef Stálin, causou um enorme embaraço para a União Soviética: ela deu início ao processo de deserção do país, queimando seu passaporte, e pediu exílio ao maior rival soviético, os Estados Unidos.

    Era plena Guerra Fria e Svetlana fez duras acusações ao pai e ao regime imposto por ele à nação soviética. Disse que o pai era “um monstro moral e espiritual” e tinha criado um sistema “profundamente corrupto”.

    No dia 7 de março de 1969, Golda Meir se tornou a primeira mulher – e até agora a única - a ser eleita premiê israelense. Ela tinha 70 anos quando assumiu o governo, depois da súbita morte do então primeiro-ministro Levi Eshkol.

    Meir foi premiê até junho de 1974, o que inclui o período da Guerra do Yom Kipur, na qual tropas egípcias e sírias atacaram Israel.


    Nenhum comentário

    Deixe sua opinião

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad

    Loading...
    Web Statistics