Header Ads

  • Breaking News

    Manifesto de Combate à Intolerância Religiosa na Internet

    Manifesto de Combate à Intolerância Religiosa na InternetOAB-SP lança “Manifesto
    de Combate à Intolerância
    Religiosa na Internet”, junto
    com Conib e B’nai B’rith

    Em um auditório lotado, foi lançado pela Comissão de Direito e Liberdade Religiosa da OAB-SP o “Manifesto de Combate à Intolerância Religiosa na Internet”. Na ocasião, Rony Vainzof, diretor da Confederação Israelita do Brasil, apresentou o perigo da rápida difusão do ódio e suas terríveis consequências. Já Abraham Goldstein, presidente da B’nai B’rith do Brasil lembrou os 77 anos da “Noite de Cristal”, quando, na Alemanha nazista, milícias governamentais em roupas civis incendiaram mais de 200 sinagogas, quebrando lojas e invadindo casas de judeus, levando milhares de homens que não mais retornaram. A deputada estadual Clélia Gomes, primeira mãe-de-santo eleita para cargo político no Brasil, aderiu ao “Manifesto”, colocando todo seu gabinete à disposição, pontuando a importância do respeito às diferenças.


    Samuel Gomes de Lima, presidente da Associação
    Brasileira de Liberdade Religiosa; Rony Vainzof, diretor
    da Confederação Israelita do Brasil; Clélia Gomes,
    deputada estadual; Damaris Dias Moura Kuo, presidente
    da Comissão de Direito e Liberdade Religiosa da OAB-SP;
    Abraham Goldstein, presidente da B’nai B’rith do Brasil;
    Camila Godoi da Silva, vereadora de Itapevi;
    Jader Freire de Macedo Junior, vice-presidente da
    Comissão de Direito e Liberdade Religiosa da OAB-SP;
    e Dr. Alcides Coimbra, diretor da Unasp.

    Fotos: José Luis da Conceição/OABSP

    Manifesto de Combate à Intolerância Religiosa na Internet

    Nenhum comentário

    Deixe sua opinião

    Post Top Ad

    Post Bottom Ad

    Web Statistics