• Ultimas

    Coisas Judaicas

    O Blog judaico

    18/01/2015

    Deserto do Negev

    Deserto do Negev
    Hotel no Negev
     ​Vários povos viveram no Neguev desde o início da sua história: nômades, canaanitas, filisteus, edomitas, bizantinos, nabateus, otomanos e, é claro, os israelitas. 

    A sua economia baseava-se principalmente no pastoreio de ovelhas e na agricultura, e, posteriormente, no comércio.
    O Neguev, que localiza-se na região sul de Israel, representa metade da área da terra de Israel. 

    Entretanto, por ser um deserto, esta região é esparsamente povoada.  

    Mesmo assim, o Neguev é parte importante do passado. Abraão construiu a sua casa em Be'er Sheva, os Nabateus passaram por ali em caravanas com camelos carregados de mercadorias preciosas. Por esta e outras razões, o Neguev se tornou um dos locais de turismo mais populares de Israel.

    Vários povos viveram no Neguev desde o início da sua história: nômades, canaanitas, filisteus, edomitas, bizantinos, nabateus, otomanos e, é claro, os israelitas. A sua economia baseava-se principalmente no pastoreio de ovelhas e na agricultura, e, posteriormente, no comércio.

    Deserto do Negev
    Museu no Negev
    A história dos nabateus é particularmente fascinante. Os nabateus eram os senhores do deserto, onde eles estabeleceram uma rota comercial conhecida como "A Rota do Incenso". Caravanas de camelos passavam por esta rota carregando temperos, perfumes e sal do Iêmen para o leste, para a cidade portuária de Gaza. Ao largo da rota foram construídos pontos de descanso, e as suas ruínas ainda embelezam a vastidão do Neguev (Avdat, Mamashit e outros são peculiares exemplos).

    O assentamento israelense moderno do Neguev começou a cerca de 100 anos atrás, quando algumas poucas comunidades foram construídas. A estas se juntaram mais 11 assentamentos, cujos membros fundadores construíram as primeiras casas em uma única noite. Depois do estabelecimento de Israel, o primeiro Primeiro Ministro do país, David Ben Gurion promoveu o assentamento no Neguev e, depois dele ter passado a morar em Sde Boker alguns outros assentamentos foram construídos.
    Deserto do Negev
    Deserto do Negev
    O Neguev é definido como um deserto devido à pequena quantidade de chuva que cai ali (menos de 200 milímetros anualmente), e é dividido em várias regiões, começando com a Fratura Arad de Be'er Sheva no norte, a cordilheira no norte e a cordilheira de montanhas do centro, a região de Arava e ao sul Eilat. Apesar do Neguev ser infértil a maioria dos dias do ano, devido as suas vastidões desoladas e os leitos dos seus rios secos, a natureza ali é surpreendente. No inverno, apesar da pequena quantidade de chuva, o Neguev se cobre de flores incríveis, incluindo anêmonas vermelhas abundantes. Quando há tempestades, estas podem causar inundações ao largo dos leitos dos rios.

    O Neguev é a representação do deserto israelense e oferece cantos naturais charmosos, sítios históricos e arqueológicos e, surpreendentemente, áreas verdes e agrícolas.  O turismo no deserto é uma indústria em desenvolvimento e muitos turistas o exploram a pé, de bicicleta ou em veículos para todos os tipos de terrenos.

    Nenhum comentário:

    Comida Judaica

    Cultura

    Turismo