A Guerra dos seis dias - Jerusalém é libertada

Soldado ferido na Guerra dos Seis diasGuerra dos Seis Dias

Na primavera de 1967, as capitais árabes desfilaram seus exércitos e falaram abertamente sobre varrer a Terra de Israel e atirar seus habitantes no mar. 

A imprensa internacional foi quase unânime em seu sentimento de que o pequeno Estado judaico, cercado e tendo menos armas que seus inimigos, tinha pouca chance de sobreviver. 

Parecia que, pela segunda vez numa geração, o mundo assistiria de camarote, permitindo que os inimigos do povo judeu assassinasse milhões deles. A 26 de Iyar (5 de junho de 1967), Israel lançou um ataque preventivo em suas fronteiras sul e norte. Em apenas seis dias, o exército israelense derrotou cinco exércitos árabes em três frentes libertando a cidade antiga de Jerusalém e o Monte do Templo. 

A natureza milagrosa da vitória de Israel fez surgir um despertar global da alma judaica, incentivando o já existente movimento de teshuvá (retorno a D’us) e as tradições judaicas. 

O Lubavitcher Rebe chamou-o de um momento com proporções bíblicas, uma “oportunidade como não se via há milhares de anos.” Milhares de judeus afluíram para colocar tefilin e rezar no recém libertado Muro Ocidental do Monte do Templo.


Jerusalém é libertada (1967)

A Guerra dos seis dias - Jerusalém é libertadaA Cidade Velha de Jerusalém e o Monte do Templo foram liberados durante a Guerra dos Seis Dias em 1967. O dia é assinalado em Israel como “Dia de Jerusalém”.

Postar um comentário

6 Comentários

Anônimo disse…
shalom boquer tov por favor alguem poderia me ajudar gostaria muito de saber a minha verdadeira raizes pois sinto que tenho alguma descedencia judia pois erdei o sobrenome da minha avó rosa e sei que ela se casou com o meu avô que eram primos distantes e que na nossa familia existem os sobrenomes rosa pereira santos ferreira silva e oliveira gostaria muito de uma grande ajuda ou poderiam me indicar um site bem confiavel para eu poder pesquisar e a maioria da minha familia vieram do estado de minas gerais parana é o que eu sei no momento
Angela Kruger disse…
ola! boa noite!
o meu nome é Angela e gostaria de saber se tenho origem judaica, pois o sobrenome do meu pai é Kruger e da minha mãe é Jacobsem.
desde já agradeço.
Angela Kruger disse…
olá, boa noite !
Meu pai tem sobrenome Kruger e minha mãe tem sobrenome Jacobsem, gostaria de saber se tenho origem judaica. Grata.
Peres disse…
Boa noite!
Estou tentando fazer a àrvore da familia Peres!
Eentrem em contato peresminas@outlook.com


O meu nome tem nogueira de mãe e Silva de pai tem origem judaica
O meu nome tem nogueira de mãe e Silva de pai tem origem judaica