Quanto mais longe você puder olhar para trás, mais longe você poderá ver à frente
Os judeus ao longo do tempoOs judeus têm contado a história de quem somos por mais tempo e com mais devoção do que qualquer outro povo na face da terra. Isso é o que faz a identidade judaica tão rica e ressonante.

Uma razão pela qual a religião sobreviveu no mundo moderno, apesar de quatro séculos de secularização é que ela responde a três perguntas que cada ser humano reflexivo vai perguntar em algum momento em sua vida: Quem sou eu? Por que estou aqui? Como, então, devo viver?

Essas questões não podem ser respondidas pelas quatro grandes instituições do Ocidente moderno: ciência, tecnologia, economia de mercado e o estado democrático liberal. A ciência nos diz como, mas não o por quê. A tecnologia nos dá poder, mas não pode nos dizer como usar esse poder. O mercado nos dá opções, mas não nos diz quais escolhas fazer. 

O Estado democrático liberal, por uma questão de princípios, se acha impedido de endossar qualquer modo particular de vida. O resultado é que a cultura contemporânea coloca diante de nós uma gama quase infinita de possibilidades, mas não nos diz quem somos, por que estamos aqui, e como devemos viver.

Os judeus têm contado a história de quem somos por mais tempo e com mais devoção do que qualquer outro povo na face da terra. Isso é o que faz a identidade judaica tão rica e ressonante. Em uma época em que memórias de computador e smartphones têm crescido tão rapidamente, de kilobytes para megabytes para gigabytes, enquanto as memórias humanas tornaram-se tão encurtadas, há uma importante mensagem judaica para a humanidade como um todo. 

Você não pode delegar memória para máquinas. Você tem que renová-la regularmente e ensiná-la para a próxima geração. 

Winston Churchill disse: “Quanto mais longe você puder olhar para trás, mais longe você poderá ver à frente.” Ou, dito de forma ligeiramente diferente: Aqueles que contam a história de seu passado já começaram a construir o futuro dos seus filhos.

Jonathan Sacks

Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments:

Deixe sua opinião