Brasileira é ferida pela IDF  em Gush junto com um palestinoO exército israelense abriu uma investigação oficial sobre o tiroteio letal a um palestino cujo veículo se aproximou de soldados israelenses perto de um assentamento na Cisjordânia.
De acordo com o exército, soldados abriram fogo no carro, ontem terça feira,  depois que o motorista se recusou a atender  pedidos para parar. Inicialmente, o exército havia dito que os soldados abriram fogo porque achavam que era uma tentativa de  atropelamento.
O motorista palestino, Mohammed Abdallah Mussa, de 26 anos, da aldeia de Deir Ballut, foi gravemente ferido e depois morreu por suas feridas.
A passageira, a irmã de Mussa, Latifa Abdallah, de 33 anos, foi ferida no tiroteio. Latifa tem passaporte brasileiro e o marido e filhos estão no Brasil. Ao ser interrogada, Latifa não falou muito e não deixou clara o motivo de sua permanência em Israel ou na Palestina.
Nem a Embaixada brasileira, nem o Itamaraty ou qualquer outro orgão do governo Brasileiro se manifestou até agora.
Fonte: https://www.haaretz.com/israel-news/.premium-1.820222
Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments:

Deixe sua opinião