Israel derruba casa de palestino que matou três israelenses na CisjordâniaJerusalém, 16 Ago 2017 (AFP) - O exército de Israel destruiu a casa de um palestino que matou três israelenses em julho em uma colônia da Cisjordânia ocupada, anunciou nesta quarta-feira um porta-voz militar, uma medida que o governo do Estado hebreu considera dissuasória para quem pensa em atacar seus cidadãos. 

O palestino entrou em uma casa da colônia de Neve Tzuf, perto de Ramallah, e matou três israelenses a facadas, um pai e os dois filhos. A polícia prendeu o criminoso depois que um vizinho, alertado pelos gritos das vítimas, o feriu com uma arma de fogo. 

Raed Barghuti, palestino que mora na localidade de Kubar, onde reside a família do agressor Omar al-Abed, de 19 anos, perto de Ramallah, o exército israelense destruiu a casa de dois andares. 

O ataque contra a colônia coincidiu com as tensões provocadas pela decisão israelense de aumentar as medidas de segurança ao redor da Esplanada das Mesquitas, o terceiro local sagrado do islã, na Cidade Antiga de Jerusalém. 
Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

1 comments:

  1. Dá-lhe IDF! Fazer o quê? Israel preferiria muito mais não destruir casa de ninguém! "A paz virá quando os árabes amarem os seus filhos tanto quanto nos odeiam". Golda Meir perante o Clube Nacional da Imprensa, em Washington, 1957.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião