A aviação israelense bombardeou nesta sexta-feira uma posição do Exército sírio

Coisas Judaicas/ AGÊNCIAS INTERNACIONAIS
A aviação israelense bombardeou nesta sexta-feira uma posição do Exército sírio poucas horas depois de um foguete lançado a partir da Síria cair nas Colinas de Golã ocupadas por Israel, anunciou o exército. Não há mortos ou feridos.
"Em resposta ao projétil lançado mais cedo contra Israel a partir da Síria, um avião do Exército israelense atacou uma posição do Exército sírio que disparou o foguete", declarou o exército de Israel em um comunicado.


O Exército havia anunciado que um foguete, "consequência do conflito interno na Síria", foi lançado contra uma zona desabitada no norte das Colinas de Golã. Israel bombardeou posições sírias na quarta-feira e no sábado em resposta à projéteis que chegaram na zona ocupada.



O lançamento de foguetes e projéteis a partir da Síria geralmente ocorrem nesta região, devido aos combates entre as forças de Bashar al-Assad e grupos rebeldes. Por causa dos confrontos nas proximidades da cidade síria de Quneitra, perto da fronteira, o Exército de Israel pediu que fazendeiros e civis evitem a região.

Em um discurso na quarta-feira, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, advertiu que Israel não toleraria qualquer tiro contra seu território e que responderia nesse caso.
— Esta é a nossa política e vamos continuar com ela — disse ele.
Israel ocupa desde 1967 cerca de 1.200 km² das Colinas de Golã, uma decisão não reconhecida pela comunidade internacional. Cerca de 510 km² seguem sob o controle sírio.



Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments:

Deixe sua opinião