EUA pede à ONU para ver abusos na Venezuela e deixar  Israel em paz

EUA pede à ONU para ver abusos na Venezuela e deixar "obsessão" com Israel

Os Estados Unidos apontaram nesta sexta-feira a Venezuela como um dos países que mais abusa dos direitos humanos e pediu ao Conselho de Direitos Humanos da ONU que deixe sua "obsessão" com Israel e preste mais atenção a outros casos.
Assim disse a embaixadora dos EUA Na ONU, Nikki Haley, ao alto comissionado para os Direitos Humanos do organismo, Zeid Raad al Hussein, em reunião que tiveram na quinta-feira em Nova Iorque.

Segundo o comunicado oficial divulgado hoje pelo escritório de Haley, nessa reunião a embaixadora incentivou Zeid a que "ajude a combater a obsessão do Conselho de Direitos Humanos com Israel".

Haley, acrescentou a nota, está preocupada com o fato de que os membros do Conselho de Direitos Humanos "promovem a agenda anti-Israel, desviando a atenção de alguns dos piores abusadores de direitos humanos como Síria, Irã, Coreia do Norte e Venezuela".

As declarações de Haley estão alinhadas com outras declarações feitas durante a campanha eleitoral pelo então candidato presidencial republicano, Donald Trump, acerca do papel da ONU em relação a Israel.

O comunicado não traz a resposta que teria dado na reunião Zeid, que tem seu escritório em Genebra e chegou nas últimas horas a Nova York. Seu escritório também não informou sobre essa reunião com Haley.
Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments:

Deixe sua opinião