10/03/2017

Mulheres terão treinos gratuitos de Krav Magá

Mulheres terão treinos gratuitos de Krav MagáNo mês de março, em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, a Federação Sul Americana de Krav Magá vai realizar, em todo o Brasil, treinamentos gratuitos da defesa pessoal israelense, especialmente voltados para mulheres praticantes ou não dessa modalidade. A ideia é sensibilizar a mulher sobre a importância do combate à violência e mostrar que ela pode ser parte ativa da prevenção desse tipo de problema, crescente no Brasil.

Os treinamentos da Federação Sul Americana de Krav Magá serão destinados a mulheres maiores de 14 anos, independentemente de preparo físico ou de habilidade para artes marciais ou esportes. Para este ano, a Federação espera mais de 10 mil participantes em mais de 90 pontos de treinamento em todo o país. “Nosso objetivo é que as mulheres percebam que elas podem se prevenir contra a violência, mudando a forma com que elas lidam com o medo e com sua autoestima”, afirma o israelense Grão-Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-preta – 8º Dan), introdutor do Krav Magá no Brasil e fundador da Federação.
Mulheres terão treinos gratuitos de Krav MagáDesenvolvido em Israel, na década de 40, por Imi Lichtenfeld, o Krav Magá não é uma arte marcial e sim a única modalidade reconhecida mundialmente como arte de defesa pessoal. 

Foi criado para que, a partir do treinamento adequado, qualquer pessoa – independentemente de sua idade, sexo ou forma física – possa se defender de um ou mais agressores, armados ou não, usando técnicas simples e eficazes.
Grão Mestre Kobi explica que, com a violência crescente nas ruas ou mesmo dentro de casa, as mulheres precisam estar preparadas para se proteger e para proteger seus filhos. “O treinamento de Krav Magá dá a essa mulher a condição psicológica e física para que ela vença o medo e seja ativa no combate à violência, nem que seja por meio da denúncia”, afirma ele.
Mulheres terão treinos gratuitos de Krav MagáEm 2016, mais de 5 mil mulheres passaram por esse treinamento e para este ano a expectativa é ainda maior. Os treinamentos serão realizados em diversos estados brasileiros simultaneamente, assim como no Peru e na Argentina, onde a Federação tem instrutores habilitados.

SHARE THIS

Author:

Dúvidas, sugestões de pautas, críticas, publicidade, parcerias, etc. Entre em contato pelo seguinte email: coisasjudaicas@gmail.com

0 Comentários:

Deixe sua opinião