07/02/2017

Israel transforma deserto em nova fronteira contra ataques hacker

Israel transforma deserto em nova fronteira contra ataques hacker
“Com um clique em um botão, você pode colocar nações de joelho. Todo sistema pode ser hackeado”. Esse é um dos alertas sobre cybersegurança que o primeiro-ministro de Israel, Binyamin Netanyahu, fez durante a Cybertech 2017, feira que reuniu especialistas sobre o tema nesta semana em Tel Aviv.
Para Netanyahu, a guerra mudou dramaticamente e, por isso, o governo do país fornece incentivos (como descontos em impostos) para que grandes empresas invistam no segmento e start-ups e jovens talentos se desenvolvam.
As declarações se destacam pouco antes do encontro com o novo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em que discutirão o tema. “É possível parcerias entre governos para a cybersegurança”, afirma o primeiro-ministro.
Atualmente, Israel conta com cerca 500 start-ups de cyber —ao todo são cerca de 6.000, segundo o governo— e centros reconhecidos como o de Beer Sheeva, localizado no deserto de Negev, mais ao sul do país, a cerca de 100 km da capital. “Lá havia apenas camelos e palmeiras”, brinca o presidente-executivo do parque tecnológico, Roni Zehavi.
Jovens talentos ocupam os laboratórios do Cyber Spark, com centros de empresas como IBM, Cisco, ECM e Oracle, para pensar e desenvolver soluções tecnológicas para combater ameaças on-line.
Leia a noticia completa na Folha de São Paulo

Deseja encontrar empresas israelenses de cyber?

Muitas das empresas e muitos dos empreendedores na dianteira da ciberinovação de Israel estarão em destaque na conferência RSA 2017, que será realizada em São Francisco, de 13 a 17  de fevereiro. A conferência atrai visitantes de mais de 50 países, e se tornou um importante ponto de encontro para debate sobre as últimas ameaças e soluções em cibersegurança.
Em respeito ao seu tempo, ficaremos felizes em recomendar empresas relevantes, coordenar reuniões individuais e garantir que você terá toda a atenção. Saiba mais sobre esta iniciativa e as empresas participantes  em nosso site: clique aqui.
As reuniões serão realizadas no Pavilhão Nacional de  Israel na RSA, South Hall A – stand No. 827 & 833.

Empresas brasileiras interessadas em marcar reuniões com as empresas israelenses durante a feira, com o objetivo de explorar possíveis oportunidades de negócios, favor entrar em contato por meio dos telefones e e-mails indicados abaixo:

saopaulo@israeltrade.gov.il | (11) 3095-3111

rio@israeltrade.gov.il | (21) 3259-9148


SHARE THIS

Author:

Dúvidas, sugestões de pautas, críticas, publicidade, parcerias, etc. Entre em contato pelo seguinte email: coisasjudaicas@gmail.com

0 Comentários:

Deixe sua opinião