,

Latest News

loading...

30/11/2016

Omie: empréstimo dentro do ERP


Esta notícia foi retirada do site Baguete
Omie, empresa brasileira de software de gestão na nuvem, fechou um acordo com a fintech israelense WorkCapital, para oferecer empréstimos dentro da plataforma. O dinheiro oferecido é uma antecipação de duplicatas com taxas mais baixas do que as normalmente cobradas no mercado por bancos e factorings, ficando entre entre 1,5% e 2,5% por mês de juro.
“Toda a operação ocorrerá através do próprio ERP, em um ambiente seguro e com a mesma garantia de privacidade que Omie já oferece”, conta Marcelo Lombardo, CEO da Omiexperience. De acordo com Lombardo, na semana do lançamento houve mais de 450 solicitações, totalizando R$ 53 milhões em pedidos.
A WorkCapital, parceira da Omiexperience nessa empreitada, começou a desenvolver o aplicativo para o mercado brasileiro no segundo semestre de 2015. Ela foi fundada por quatro sócios, dentre eles um brasileiro, Simão Neumark, que já trabalhou em outra startup israelense de serviços financeiros, a Taryag, e foi analista do Credit Suisse em Nova Iorque. O foco da companhia é otimizar o fluxo de caixa das empresas através de integração completa com sistemas de ERP na nuvem.
“Fazemos uma análise algorítmica completa da empresa, algo nunca feito no mercado de crédito para PME”, afirma Neumark.
A antecipação de duplicatas é uma operação em que uma empresa cede seus recebíveis para receber o valor referente a estas vendas no mesmo dia, descontada de uma juro. A partir deste ponto, os clientes desta empresa que receberam a mercadoria ou serviço pagarão diretamente à WorkCapital, finalizando assim o ciclo de crédito.
Criada por Marcelo Lombardo, fundador nos anos 90 da NewAge Software, a Omie entrou no mercado em 2012. O produto controla processos financeiros, de CRM, vendas, serviços e exportação contábil, guarda de arquivos XMLs, além de emissão de boletos e NF-e. Os preços começam em R$ 189 mensais.  Em março desse ano, a companhia falava em 125 mil clientes, o que pode ser um número um pouco enganoso.
Assim como outras empresas desse segmento, a Omie contabiliza todas as empresas que assinaram o software entre seus clientes, não apenas as que estão pagando mensalidades no momento. Usar os dados disponíveis em um sistema de gestão para oferecer serviços financeiros (ou de outro tipo) é um modelo de negócios comum para os novos players de ERP.
O MarketUp, um ERP gratuito oferecido na nuvem pela Nuvemsis com o respaldo do Sebrae, teve entre os seus primeiros parceiros o Bradesco, por exemplo.

Google+ Followers

Seguidores

ormal Real Time Web Analytics