Coisas Judaicas : O Cântico de Haazínu
[ ]
Latest News Updates
O Cântico de Haazínu
14/10/16 Posted by Coisas Judaicas

O Cântico de Haazínu
A canção de Ha’azinu descreve poeticamente o que acontecerá ao povo judeu até o fim dos dias. Prevê seu castigo por transgredir o pacto com D’us, e descreve como, por fim, D’us punirá aqueles que erraram contra eles no exílio.
Há dez shirot, ou canções proféticas, das quais Ha’azinu é a quarta:
  1. Adam recitou a primeira shira no Gan Eden.
    Ele compôs "mizmor shir leyom haShabat/ Uma canção, um poema para o Shabat", na qual louvou a grandeza do Shabat.
  2. Nas praias do Mar Vermelho Moshê e Benê Yisrael entoaram uma shira pela sua miraculosa libertação do exército do faraó.
  3. Benê Yisrael entoou uma canção em louvor ao Poço de Miriam (parashat Chucat).
  4. Moshê ensinou ao povo a canção de Ha’azinu no dia de seu falecimento.
  5. Quando Yehoshua lutou com os Emoritas em Givon e o sol milagrosamente deteve seu curso em benefício do exército judaico conquistador, Yehoshua cantou shira.
  6. Devora e Barak compuseram uma shira quando D’us entregou os inimigos em suas mãos, incluindo o general canaanita Sisra (Shofetim 5).
  7. Quando Chana deu à luz Shemuel, após ter sido estéril durante muitos anos, ela louvou D’us com uma canção profética (Shemuel 2).
  8. O Rei David, no final da vida, compôs uma shira de agradecimento a D’us por tê-lo salvado de todos os seus inimigos (II Shemuel 22).
  9. O Rei Shelomô escreveu Shir Hashirim.
  10. A décima e mais bela canção será entoada pelo povo judeu quando D’us o redimir do atual exílio.



Embora as primeiras nove canções sejam chamadas shira, no gênero feminino, a décima é denominada shir (masculino), pois está escrito: "Naquele dia este shir será cantado na terra de Yehuda" (Yeshayáhu 26:1).
A décima canção, porém, marcará o fim de todos os exílios; não será seguida por qualquer sofrimento ou provação.
http://www.beitchabad.org.br/

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics