Coisas Judaicas : Netanyahu elogia secretário-geral da ONU, mas critica tratamento diferenciado de Israel pela ONU
[ ]
Latest News Updates
Netanyahu elogia secretário-geral da ONU, mas critica tratamento diferenciado de Israel pela ONU
01/07/16 Posted by Coisas Judaicas

Netanyahu elogia secretário-geral da ONU, mas critica tratamento diferenciado de Israel pela ONU

Jerusalém (TPS) – O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, elogiou o secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, que esteve em visita a Israel na terça-feira, 28/6, por sua amizade e esforços para melhorar a posição de Israel na ONU, durante uma conferência de imprensa.
"Lembro-me bem quando você veio a Israel em 2013, você disse que Israel deve ser tratado igualitariamente na ONU", disse Netanyahu. "Eu aprecio a sua franqueza e essa clara postura moral." "Foi demonstrado em seus esforços para garantir o Relatório Palmer, que foi muito importante para Israel", continuou.
O Relatório Palmer em 2011 reconheceu a legalidade do bloqueio de Israel à Faixa de Gaza, que é essencialmente orientado para impedir a importação de armas e material bélico ao território costeiro controlado pela organização terrorista Hamas. O relatório também questionou a sinceridade dos líderes da flotilha Mavi Marmara para Gaza, particularmente da Fundação de Ajuda Humanitária IHH, uma autodenominada organização de assistência humanitária que opera na Turquia e patrocinou a flotilha.
O secretário-geral da ONU atribuiu tais esforços de sua parte à sua melhor compreensão da perspectiva de Israel a partir de suas muitas conversas com Netanyahu. "Nossas conversas, Sr. primeiro-ministro, me ajudaram a compreender as frustrações e medos de Israel, a frustração de que às vezes o seu país é considerado em um padrão diferente nas Nações Unidas, o medo de que o seu país e povo estão sob constante ameaça", Ban Ki-Moon disse a Netanyahu.
"Depois de quase 10 anos como secretário-geral, posso dizer com orgulho que eu tenho sido sempre um amigo empenhado de Israel", acrescentou. "Eu tenho trabalhado duro para mostrar em palavras e em ações a minha sincera amizade por Israel." Apesar disso, Netanyahu lamentou que Israel continua a ser tratado muito injustamente na ONU. "Lamentavelmente, o objetivo de tratar Israel de forma justa continua não cumprido em um amplo espectro de atividades e fóruns da ONU", afirmou Netanyahu.
"Sua visita vem enquanto o Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas está se reunindo", continuou Netanyahu. "Como ele sempre faz, o conselho condenará Israel, o país que mais faz para promover e proteger direitos humanos e valores liberais do que qualquer outro no ensanguentado Oriente Médio. A nossa democracia progressista tem enfrentado mais resoluções específicas para o país, mais condenações específicas para o país no Conselho de Direitos Humanos da ONU do que todos os outros países juntos."
O Conselho de Direitos Humanos da ONU já realizou um debate "Agenda 7" na segunda-feira, 27/6, que se concentrou nos "abusos dos direitos humanos" de Israel contra os palestinos. Países ocidentais boicotaram o debate em protesto contra o tratamento e foco injusto do Conselho em relação a Israel.
Netanyahu exortou Ban a fazer todo o possível para ajudar a reformar o sistema das Nações Unidas no que se refere ao seu nível de justiça. "Eu sei que o seu desejo de que todos os países sejam tratados de forma justa e igual permanece verdadeiro hoje", disse Netanyahu. "Eu peço que dedique seus últimos seis meses como secretário-geral da Organização das Nações Unidas para tentar corrigir este erro. Não é só por causa de Israel. É pela credibilidade da ONU."
Fonte: TPS / Texto: Jonathan Benedek / Tradução: Hannah Franco / Foto: Hillel Maeir

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics