Coisas Judaicas : Noruega se recusa a pagar os terroristas palestinos e ganha elogios de Israel
[ ]
Latest News Updates
Noruega se recusa a pagar os terroristas palestinos e ganha elogios de Israel
17/05/16 Posted by Coisas Judaicas

Noruega se recusa a pagar os terroristas palestinos e ganha elogios de IsraelUm alto funcionário israelense elogiou no domingo,15/5, a decisão do ministro das Relações Exteriores norueguês, de suspender os pagamentos à Autoridade Palestina (AP), que na verdade são pagamentos destinados a terroristas palestinos e suas famílias. Dore Gold, diretor-geral do Ministério das Relações Exteriores de Israel, chamou o embaixador norueguês para Israel, Jon Hanssen-Bauer, para agradecê-lo pela recusa da Noruega em pagar os fundos palestinos, que acabam nas mãos de terroristas palestinos.

O ministro dos negócios estrangeiros norueguês, Børge Brende, questionou o presidente palestino, Mahmoud Abbas, sobre o repasse de dinheiro aos terroristas no início do mês, informou o jornal diário norueguês Dagen. Brende disse a Abbas que o programa "é inaceitável e deve ser abolido" e que "Abbas respondeu repetindo garantias de que fundos noruegueses não financiariam o programa terrorista". "A Noruega deixou claro que em nenhuma circunstância contribuirá com fundos que possam ser transferidos para apoiar terroristas condenados e suas respectivas famílias", de acordo com um comunicado divulgado pelo Ministério das Relações Exteriores de Israel no domingo. "É ultrajante saber que matar israelenses tornou-se uma fonte de renda para muitos na Palestina", disse Gold. "Isto contradiz completamente o conceito de paz. Estes pagamentos incentivam o terrorismo e devem ser interrompidos".

Após sofrer fortes críticas no âmbito internacional, a Autoridade Palestina anunciou em agosto de 2014 que iria interromper o pagamento de salários a terroristas presos. No entanto, os pagamentos continuam, segundo um relatório da Ong Palestinian Media Watch (PMW), publicado em abril deste ano. Embora o pagamento não seja diretamente feito aos terroristas a partir dos cofres da Autoridade Palestina, a Ong afirmou que os fundos são agora transferidos para os terroristas através da Organização para Libertação da Palestina (OLP).

De acordo com o relatório, em 2014 o Ministério dos assuntos de prisioneiros da AP concedeu 442 milhões de shekels para prisioneiros terroristas. Embora a AP tenha fechado os fundos do ministério em 2015, o relatório assinala um aumento de 481 milhões dados para a OLP - surpreendentemente perto da quantidade anteriormente alocada para os terroristas presos.

"Enquanto a Autoridade Palestina fraudulentamente afirma aos países doadores que a OLP está pagando salários aos prisioneiros terroristas com dinheiro de origem não palestina, o fato é que a AP continua a ser a fonte de recompensas para estes terroristas", afirmou o relatório da Ong PMW. "Não sabendo que a AP continuava a financiar os salários dos terroristas, os países doadores continuavam contribuindo com quase 1 bilhão de dólares por ano para a Autoridade Palestina".

Fonte: TPS / Texto: Joshua B. Dermer / Tradução: Bruno Scala / Foto: Hillel Maeir

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics