Coisas Judaicas : Comandante do Hezbollah foi morto na noite de quinta-feira
[ ]
Latest News Updates
Comandante do Hezbollah foi morto na noite de quinta-feira
14/05/16 Posted by Coisas Judaicas

Fontes de Notícias culpam Israel por assassinato de Comandante do Hezbollah na Síria
Mustafa Badreddine, um alto comandante do Hezbollah, foi assassinado na noite de quinta-feira, 12/5, em uma explosão perto do Aeroporto de Damasco, conforme anunciado na sexta-feira, 13/5, pela organização terrorista sediada no Líbano.
O Hezbollah não disse quem foi o responsável pelo assassinato de Badreddine, embora os meios de comunicação ligados ao grupo terrorista tenham culpado Israel.
De acordo com o Departamento do Tesouro dos EUA, Badreddine era responsável pelas forças do Hezbollah em luta na Síria, onde o grupo terrorista tem milhares de combatentes em defesa do governo sírio na guerra civil do país. Badreddine acompanharia o líder do Hezbollah, Hassan Nasrallah, nas reuniões semanais com o presidente sírio Bashar Assad em Damasco.
Israel supostamente executou vários agentes do Hezbollah na Síria nos últimos anos, incluindo o famoso terrorista Samir Kuntar, em um ataque a míssil em dezembro.
O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu confirmou publicamente no mês passado que Israel realizou “dezenas de ataques” contra o Hezbollah na Síria.
O histórico de atividade terrorista de Badreddine com o Hezbollah se estende por décadas. Aparentemente ele foi um perito em explosivos e a peça fundamental no ataque a bombas ao quartel fuzileiro americano que matou 303 pessoas em 1983, bem como nas explosões com carros-bomba contra as embaixadas dos EUA e da França no Kuwait, no mesmo ano. Ele foi julgado e condenado à morte no Kuwait devido ao seu envolvimento nestes ataques, mas foi liberado quando o Iraque de Saddam Hussein invadiu o Kuwait em 1991 e limpou as prisões.
Badreddine também foi julgado à revelia por um tribunal especial das Nações Unidas por seu envolvimento num atentado terrorista com carro bomba em Beirute, no assassinato do antigo primeiro-ministro libanês, Rafik Harir,i em 2005, com evidências de que foi um ataque terrorista do Hezbollah.

Fonte: TPS / Texto: Jesse Lempel / Tradução: Bruno Scala / Foto:  Andrew McIntire

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics