UE condena o ódio e a violência após os ataques terroristas da última semana em Israel
Um porta-voz da União Europeia (UE) divulgou um comunicado no dia 9 de março em resposta aos ataques terroristas perpetrados durante a semana em Tel Aviv, Petah Tikva, e Jerusalém.

"A UE apresenta as suas condolências às famílias da vítima e deseja uma rápida recuperação aos feridos”, afirmou o porta-voz da União Europeia. Os ataques resultaram em numerosas vítimas e tirou a vida de Taylor Force, um turista americano que se formou na Academia Militar dos Estados Unidos e serviu no Iraque e no Afeganistão. 
A UE também condenou a violência e o ódio e pediu a Israel e aos palestinos para acalmarem as tensões.
"Mais uma vez, o ódio e a violência tomaram vidas inocentes", o porta-voz acrescentou. "Mais uma vez, apelamos a todos para trabalharem juntos e façam o possível para acalmar imediatamente a situação e evitar novo agravamento".

Fonte: TPS / Texto: Jonathan Benedek / Tradução: Aguinaldo Wechesler / Foto: Michael Zeff
Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments:

Deixe sua opinião