Praça de Jerusalém terá nome Shira Banki morta em parada gay
Uma praça de Jerusalém será renomeada em homenagem a uma jovem que morreu durante a Parada do Orgulho Gay da cidade em 2015.

Shira Banki, de apenas 16 anos, foi esfaqueada por um judeu ultra-ortodoxo, quando participava do evento e morreu no hospital três dias depois.
A Praça Zion será rebatizada como Praça da Tolerância e está sendo totalmente remodelada. A própria mãe da jovem faz parte da comissão que vai dar novo destino ao espaço e analisam as propostas para torná-la um ponto de amor e tolerância.
Foi neste local que amigos fizeram vigília pela saúde de Shira enquanto ela esteve internada lutando por sua vida após o ataque homofóbico.
Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments:

Deixe sua opinião