ONG ZAKA pede ajuda por conta do aumento de incidentes terroristas em IsraelONG ZAKA recorre ao público para pedir doações diante do aumento de incidentes terroristas em Israel
Jerusalém (TPS) – a organização ZAKA, ONG que trabalha na identificação de vítimas de desastre, iniciou uma campanha de doação online para arrecadar fundos para a compra de cinco novas ambulâncias para Jerusalém, Gush Etzion, Haifa, Ashkelon e Rehovot. 
A organização voluntária espera levantar US$ 275 mil dólares nas próximas quatro semanas, um montante que será complementado por um doador anônimo para aumentar o total para 550 mil dólares.
Segundo a organização, a atual situação de segurança em Israel coloca sérios desafios aos seus recursos limitados, enquanto se esforça para lidar com dias de múltiplos ataques terroristas. "Em tempos de emergência como estes, a ambulância ZAKA é necessária mais do que nunca. A ambulância ZAKA é equipada com primeiros socorros de emergência, suprimentos, tanques de oxigênio, iluminação de emergência, um gerador, equipamentos de resgate, e muito mais. As ambulâncias permanecem em prontidão 24 horas por dia, prontas para oferecer assistência aos residentes locais em qualquer situação de emergência ", diz o comunicado da campanha.
Yossi Fraenkel, comandante adjunto da ZAKA em Jerusalém e encarregado das unidades de operações internacionais, disse ao Serviço de Imprensa Tazpit (TPS) que "estamos reduzidos a essa única ambulância que temos agora em Jerusalém e ela tem mais de 12 anos. Ela está rodando o tempo todo". Ele acrescentou que eles têm de ir de um lugar onde houve um ataque terrorista para outro e mais outro, como no domingo, dia em que houve cinco ataques terroristas.
Fraenkel ressaltou, no entanto, que o trabalho da organização não está restrito a Israel. Ele explicou que a organização lida com cerca de 7 a 19 casos internacionais por semana, além de ajudar no recolhimento e identificação de restos de pessoas que morreram por causas naturais ou não. "Por exemplo, houve um caso em que um rabino foi esfaqueado na Rússia e os médicos de lá disseram que não havia esperança de ele sobreviver. Nós fomos lá e o trouxemos para Israel e ele saiu do hospital em menos de duas semanas depois. Vamos em todo o mundo. Nada nos impede de salvar uma vida e honrar os mortos ", disse Fraenkel.
A instituição ZAKA recebeu em janeiro o reconhecimento oficial da ONU como uma organização de consultoria. O Comitê das Nações Unidas sobre as Organizações Não-Governamentais tomou a decisão de reconhecer ZAKA após uma campanha diplomática israelense de quatro anos.

Fonte: TPS / Texto: Alexander J. Apfel / Tradução: Hannah Franco / Foto: Hillel Maeir
Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments:

Deixe sua opinião