Coisas Judaicas : Comércio Brasil-Israel sempre constante
[ ]
Latest News Updates
Comércio Brasil-Israel sempre constante
27/01/16 Posted by Coisas Judaicas

Comércio Brasil-Israel sempre constante
Fonte: MDIC Edição: Missão Econômica de Israel em São Paulo
Números dos últimos dez anos de Comércio Brasil-Israel

Os laços comerciais entre Brasil e Israel foram sempre constantes e marcado por uma relação de complementariedade uma vez que os países não competem ente si, mas complementam-se. 

Isto significa que a expertise do Brasil é a necessidade de Israel, e vice-versa. No entanto, vale mencionar que esta relação comercial é marcada pela interferência da economia global – como acontece com os demais países.

O gráfico abaixo mostra a linha de Comércio bilateral ao longo dos últimos 10 anos. A maior alta nas exportações israelenses para o Brasil foi em 2008, quando houve um considerável aumento nos preços dos fertilizantes. No entanto, os efeitos da crise mundial de 2008 já foram sentidos imediatamente no ano posterior, em 2009, com uma queda considerável nas exportações e importações Brasileiras para Israel. Mesmo assim, ao longo dos anos esta defasagem foi superada.

Em 2014, a retração da demanda israelense por açúcar e carne bovina causou uma nova queda nas exportações brasileiras, e a queda no preço de fertilizantes causou uma diminuição dos valores das exportações do lado israelense para o Brasil.

Em 2015, as exportações brasileiras para Israel fecharam em US$380 milhões e as importações brasileiras de Israel, em US$ 895 milhões.



No ano de 2015, as as exportações brasileiras de alimentos representaram 68% do total das exportações, seguido por produtos plásticos, químicos e produtos de madeira. Historicamente, as exportações Brasileiras são pautadas no gênero alimentício. Em 2014, o percentual total foi de 59% e em 2013, 75%.

Em contrapartida, Israel é, historicamente, um grande exportador de adubo, fertilizante, herbicida e inseticida para o Brasil. Em 2008, a exportação deste produto correspondia a 78% do valor total dos produtos exportados de Israel para o Brasil. Em 2014, este número caiu para 41% evidenciando diversificação de produtos na pauta de comércio. Já em 2015, este número representou 52% das exportações israelenses para o Brasil, seguido de aeronave e outros materiais de tranportes, máquinas e equipamentos elétricos e plásticos.

Este crescimento do comércio e diversificação de produtos pode ser melhor visto no gráfico abaixo que mostra as exportações israelenses, excluindo adubo, fertilizante, herbicida e inseticida.


Comércio Brasil-Israel sempre constante
Expectativas para os próximos anos

Apesar de globalmente estarmos passando por um momento de crise, a expectivativa é que o Comércio Brasil – Israel continue crescendo. Muitas atividades tem sido feitas entre os dois países e o interesse de negócios entre ambas as partes continua aumentando, não apenas em produtos, mas também em serviços e parcerias em pesquisa e desenvolvimento.

Além disso, as Missões Econômicas de Israel em São Paulo e no Rio de Janeiro tem trabalhado no sentido de aproximar ainda mais potenciais parceiros de negócios e diminuir a distância entre os países.

Convidamos você, interessado em parcerias com Israel, a estreitar relações com este país e, para isto, nos colocamos à disposição.

 Fonte: http://itrade.gov.il/brazil/?p=6182#sthash.JnuSOKWc.dpuf

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics