Coisas Judaicas : Autor de tiroteio em Tel-Aviv continua foragido
[ ]
Latest News Updates
Autor de tiroteio em Tel-Aviv continua foragido
02/01/16 Posted by Coisas Judaicas


Autor de tiroteio em Tel-Aviv continua foragido
Nashat Milhem
Pai do jovem reconheceu o filho nas imagens e o denunciou para a polícia. A polícia israelense continuava neste sábado (2) sua busca pelo atirador que matou duas pessoas e feriu outras sete na sexta-feira em Tel Aviv por razões ainda desconhecidas. 

"A polícia continua a procurar o suspeito do assassinato de dois israelenses no centro de Tel Aviv", informou o porta-voz da polícia, Micky Rosenfeld, à AFP. "Bloqueios rodoviários foram criados em diferentes locais", acrescentou. No entanto, as operações parecem ter mudado de local, relatou um jornalista da AFP em Tel Aviv, que constatou que a forte presença policial de sexta-feira havia desaparecido e que os agentes eram numerosos nas ruas, como de costume. 

Rosenfeld estimou que havia "uma alta probabilidade de um ataque terrorista", mas, acrescentou, "nós não excluímos uma motivação criminal". Este ataque ocorre em meio a uma onda de ataques contra israelenses quase diários e que já dura três meses. Durante esta nova espiral de violência, 138 palestinos e 20 israelenses foram mortos. 

Sexta-feira à tarde, o atirador entrou em uma loja de alimentos saudáveis antes de tirar uma arma de sua mochila, sair do estabelecimento e abrir fogo à queima-roupa contra os clientes do Simta, o bar vizinho. O homem continuou seu caminho e voltou a disparar 150 metros mais adiante contra um segundo estabelecimento, antes de fugir a pé. 

O gerente do Simta, Alon Bakal, de 26 anos, e Shimon Ruimi, de 30 anos, morreram de seus ferimentos. Sete outras pessoas ficaram feridas, duas gravemente, de acordo com o resgate. 

A imprensa israelense afirmou que o autor do tiroteio é um árabe israelense do norte de Israel, reconhecido em imagens de uma câmera de vigilância por seu próprio pai, que chamou as autoridades. Ainda de acordo com estes meios, o atirador de 29 anos de idade havia sido recentemente preso por agredir um soldado. 

A polícia e o serviço secreto israelense não divulgaram detalhes sobre a identidade do suspeito e uma ordem de censura foi emitida para impedir a divulgação de informações adicionais. 

A ordem também inclui detalhes sobre as circunstâncias da morte de um motorista de táxi árabe-israelense, encontrado morto no norte de Tel Aviv, pouco depois do tiroteio. A polícia se recusou a dizer se os dois casos estavam relacionados.

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics