Coisas Judaicas : Por que os sefarditas guardam sua Torá em estojos cilíndricos?
[ ]
Latest News Updates
Por que os sefarditas guardam sua Torá em estojos cilíndricos?
15/12/15 Posted by Coisas Judaicas

Por que os sefarditas guardam sua Torá em estojos cilíndricos?
Recentemente tive a chance de rezar numa sinagoga sefaradita, e eles guardavam a Torá numa espécie de estojo cilíndrico com o rolo na posição em pé. Então, quando chegou a hora de ler a Torá, eles simplesmente a colocaram numa mesa reta e abriram o estojo. Estou habituado com o costume askenazi de gradar a Tora em uma capa de veludo e quando é retirada para sua leitura ela é deitada sobre uma bima inclinada. Qual a origem desses costumes?

RESPOSTA:
Por Yehuda Shurpin

Superficialmente, alguém poderia pensar que essa diferença é basicamente cultural. Assim como pessoas de diversos países se vestem diferentemente, eles também desenvolvem estilos diferentes para "vestir" a Torá.

No entanto, existe na verdade um importante significado haláchico para o fato de os sefaradim manterem sua Torá em cilindros que as deixam em pé, enquanto os rolos de Torá askenazitas precisam ser apoiados num local inclinado.

Para entendermos isso, vamos olhar a mezuzá. Como você é um askenazita, provavelmente colocou sua mezuzá numa posição inclinada. Os sefaraditas, por outro lado, tendem a colocar a deles em pé. Por quê?

O Talmud declara que se alguém posiciona a mezuzá como um nagar (parafuso), é inválido. Ora, qual é a posição de um parafuso?

O comentarista Rashi (Rabi Shlomo Yitzchaki) exlica que um nagar é um parafuso que precisa ser colocado verticalmente.1

O neto de Rashi, Rabeinu Tam (Rabi Yaakov Ben Meir), discorda, dizendo que o nagar em questão não é um parafuso horizontal, mas um pino vertical, como os pinos usados para manter as paredes do Tabernáculo no lugar. Da mesma forma, ele diz que uma mezuzá vertical é inválida. De modo interessante, ele encontra um paralelo para essa exigência horizontal no fato de que os mortos devem ser enterrados deitados, e no precedente histórico de que as Tábuas foram posicionadas de lado na Arca Sagrada.2

Ora, se as Tábuas e as mezuzot não podem ficar em pé, ocorre que Rabeinu Tam também proibiria ter uma Torá de pé verticalmente.

O que isso significa para nós
Uma mezuzá askenazita é inclinada para dentro. Maimônides3 e o Código da Lei Judaica4 concordam com a opinião de Rashi, de que a posição correta de uma mezuzá é na posição vertical, e se estiver na horizontal, é inválida.

Assim, os judeus sefaraditas geralmente colocam suas mezuzot na posição vertical, e estendem isso para os Rolos de Torá, que eles guardam e leem enquanto os rolos estão nos estojos.

O costume askenazita, porém geralmente segue a opinião do Rema (Rabi Moses Isserles) em seus destaques do Código da Lei Judaica. Ele escreve que embora a Halachá siga a opinião de Rashi, deve-se levar em consideração a opinião de Rabeinu Tam (de que uma mezuzá vertical é inválida). Portanto, ele sugere que a melhor maneira de afixar a mezuzá é diagonalmente (com o topo para dentro).

Como a mezuzá não é vertical nem horizontal, é válida segundo as duas opiniões.5 E agora você pode ver também por que os askenazitas leem a Torá numa bimá inclinada e são cuidadosos em guardar os Rolos numa (ligeira) inclinação também.6

Lembremos que, independente do costume, é notar que cada um está fazendo o melhor possível para honrar a Torá. Afinal, além de qualquer divisão ou desacordo que possa haver, é a Torá e seus preceitos que nos une a todos.

NOTAS
1. Rashi sobre o Talmud, Menachot 33 a.
2. Tosafot sobre o Talmud loc. Cit. S.v. ha da-avida.
3. Mishnê Torá, Hilchot Tefilin u-Mezuzá 5:8.
4. Tur e Shulchan Aruch, Yorê De'ah 289:6
5. Rema sobre Shulchan Aruch loc. Cit.
6. Veja R. Yosef Lewy, Minhag Yisrael Torá, Orach Chaim 150:17 e 154:4.

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics