Coisas Judaicas : Cervejarias alemã e israelense comemoram 500 anos da lei Reinheitsgebot
[ ]
Latest News Updates
Cervejarias alemã e israelense comemoram 500 anos da lei Reinheitsgebot
22/12/15 Posted by Coisas Judaicas

Cervejarias alemã e israelense comemoram 500 anos da lei ReinheitsgebotCooperação entre cervejarias alemã e israelense vai criar cerveja em comemoração dos 500 anos da lei Reinheitsgebot
A micro cervejaria Herlz Beer, com sede em Jerusalém, vai criar uma cerveja em colaboração com a famosa cervejaria artesanal Crew Republic. A cooperação, que vai produzir uma cerveja Alemã-Israelense ímpar, vai comemorar os 500 anos da primeira lei de pureza de cerveja, a ReinheitsgebotO projeto foi idealizado pelo Museu Judaico de Munique, que abrirá uma exposição especial em abril de 2016, chamada: "A cerveja é o vinho desta terra".
A exposição vai focar na influência judaica sobre a indústria da cerveja na Alemanha e em toda a história. De acordo com o museu, "a comunidade judaica de Munique desempenhou um papel importante na história da cerveja bávara”. "Além disso, os judeus eram importantes comerciantes de lúpulo, que é um dos ingredientes centrais da cerveja" comentou a assessoria de imprensa do Museu.
“A cerveja fabricada a partir da cooperação será vendida em bares e em lojas selecionadas na Alemanha, e também no museu durante a exposição”, explicou um dos fundadores da cerveja Herlz, Maor Helfman.
“Nós estamos extremamente contentes por termos sidos escolhidos para trabalhar em conjunto com os nossos colegas na Crew Republic. Esta é uma cervejaria renomada e, de fato, a cervejaria artesanal mais famosa da Alemanha”, disse Helfman.
A Herlz Beer foi escolhida pessoalmente por Conrad Seidl, para este projeto. Ele é austríaco, um escritor e especialista em cerveja, conhecido como o “Papa da Cerveja”, e é considerado uma das maiores autoridades em cervejas austríacas e alemãs.
Seidl chegou a Israel em agosto deste ano, junto com Bernhard Purin, o diretor do Museu Judaico de Munique. Os dois viajaram secretamente por todo Israel e inspecionaram muitas cervejarias antes de escolher Herlz Beer como a vencedora.
De acordo com o podcast “Cerveja da Semana” feito pelo “Papa da Cerveja”, Seidl ficou especialmente impressionado com a cerveja Embargo, da Herlz Beer, uma cerveja escura estilo porter amadurecida com autênticas folhas de tabaco cubano.
A Herlz Beer foi inaugurada há 3 anos pelos parceiros Maor Helfman e Itai Gutman, e reivindica o título de primeira cerveja de Jerusalém. Regularmente, eles fabricam 5 tipos de cerveja incluindo a Embargo porter. No ano passado a Herlz Beer ganhou uma medalha de ouro e outra de prata em um campeonato de cervejas artesanais realizado em Berlim, Alemanha.
“Atualmente nós estamos trabalhando em uma receita em conjunto com o pessoal da Crew Republic, e em fevereiro meu parceiro e eu chegaremos a Munique para iniciar o processo de fermentação. A cerveja estará pronta para consumo em meados de abril, a tempo para a exibição de aniversário da Lei Reinheitsgebot, que vai ocorrer no museu”, explicou Helfman à TPS.
A fabricação de cerveja em parceria é um conceito bastante conhecido no mundo da cerveja, tanto comercial quanto artesanal. A fabricação geralmente envolve duas cervejarias que criam uma nova receita que representa o espírito e estilo de ambos os apreciadores das cervejas. No entanto, um projeto internacional de tamanho porte nunca foi feito antes com uma cerveja Israelense.
“Nós criaremos uma cerveja que combinará a milenar tradição alemã em fabricação de cerveja com a revolucionária inovação israelense”, concluiu Helfman.

Fonte: TPS / Texto: Michael Zeff / Tradutor: Fernando Almeida / Foto: Oren Or Biton/TPS

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics