Coisas Judaicas : Veganos da IDF
[ ]
Latest News Updates
Veganos da IDF
18/11/15 Posted by Coisas Judaicas

Veganos da IDF
Foto: Dan Balilty

Forças de defesa de Israel se adaptam a soldados veganos

O veganismo cresceu no Israel nos últimos anos. De acordo com fontes de notícias israelenses, quase 5% da população parou de consumir carne, ovos e leite, fazendo do país a nação mais vegana, per capita, do mundo. Ativistas veganos apontam uma visita de Gary Yourofsky, um ativista de direitos animais americano, em 2012, como um ponto de partida. Um vídeo de Youroufsky com legendas em hebraico ultrapassou 1 milhão de visualizações no Youtube, um número considerável num país de 8 milhões de pessoas. Restaurantes logo se adaptaram à mudança, como o Domino’s que criou menus veganos.
Como Israel tem serviço militar obrigatório, o crescimento de cidadãos veganos resultou em grupos grandes de soldados adeptos à ideologia. No ano passado, alguns deles se juntaram para protestar contra a falta de opções de refeições livres de produto animal. “Nós estamos lutando por oportunidades iguais, para permitir que soldados veganos vivam honrosamente e sirvam o país da melhor maneira possível” disse o Major Omer Yuval, um dos líderes do protesto. As informações são do The Atlantic.
O comandante Avi Harel, do centro de alimentação das Forças de Defesa de Israel, se viu encarregado de um desafio inesperado: descobrir como fornecer aos soldados o combustível necessário para lutar, sem machucar nenhum animal. O plano de refeição vegano que resultou disso inclui cafés-da-manhã com tahine, nozes, e frutas secas, assim como substituições de carne a base de soja para o jantar.
As Forças de Defesa também está fornecendo botas de combate livres de couro e boinas sem lã para soldados que se registram como veganos, para que eles possam entrar em batalha sabendo que nenhum ser vivo foi prejudicado em suas vestes.
O apoio à redução de planos de refeição com crueldade está se estendendo até os lugares mais altos. Segundo o jornal Israelense Yediot Aharonot, o Primeiro Ministro Benjamin Netanyahu expressou apoio à campanha da Segunda Sem Carne de Israel, adotando um dia vegetariano para os seus funcionários, seguranças, e família em sua residência em Jerusalém toda semana. O Primeiro Ministro declarou estar lendo sobre o assunto: “Eu entendi que os animais são mais conscientes do que pensávamos, o que está me perturbando e me fazendo pensar duas vezes” ele disse.

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics