Coisas Judaicas : T-shirts kosher
[ ]
Latest News Updates
T-shirts kosher
27/11/15 Posted by Coisas Judaicas


Com com mensagens mais ou menos encriptadas não são novidade no mundo da moda, não deixando, por isso, de receber continuadas e originais adendas. 
A última chega com doseado sentido de humor e em diálogo com a cultura judaica. São slogans estritamente “kosher” e estão a assumir-se como o novo fascínio das fashionistas.

Na última década, a multiplicação do licenciamento de elementos gráficos vinculados a ícones culturais – desde os Ramones à saga Star Wars – e a intervenção de alguns retalhistas e marcas ajudaram a impulsionar a estampagem de t-shirts que havia caído no esquecimento.

Para as marcas, é um produto que vende muito e requer pouco trabalho. Para os consumidores, revela-se uma forma de expressão individual (ver O que diz a sua t-shirt?)

E, nos últimos tempos, um grupo de designers e marcas ofereceu uma nova abordagem ao tema, num diálogo humorístico com a cultura judaica e expressões ídiche.


A marca Unkosher Market faz parte deste portefólio, oferecendo uma gama de t-shirts que interseta elementos da cultura judaica com humor, tendo a atualidade como ponto de partida.

Frases como “You Little Horah” (trocadilho com o nome da dança tradicional nos casamentos judaicos); ou “Matzah Ballin” (relativo ao “matzá”, o pão não fermentado e maior símbolo da Pessach – Páscoa judaica) são escritas em t-shirts e tops brancos destinados a um público feminino.

A Unkosher Market está a cargo de dois amigos que gostam de ser tratados apenas por Alice e Shiran – ambos com currículo na área da publicidade – e até a origem da marca esteve envolvida numa dose q.b. de humor.

Os dois foram anfitriões de um evento chamado “Jewchella” (referência ao conhecido festival Coachella), para celebrar a conversão ao judaísmo de uns amigos.

«Eu e a Alice surpreendemos toda a gente quando aparecemos com t-shirts para a ocasião – tops brancos cortados à mão com inscrições a preto», revelou Shiran. «Os nossos amigos gostaram muito e publicaram fotografias no Instagram. Quando nos apercebemos, todos queriam saber onde poderiam encontrá-las. E decidimos então fazer mais e com mais slogans e colocá-las no Etsy [portal de comércio eletrónico] para as testar. Depois de umas dúzias de vendas, sabíamos que tínhamos ali algo que valia a pena», acrescentou.

Shiran acredita que o judaísmo tem merecido destaque nos últimos anos – apontando os seus amigos e conhecidos. Também a este propósito, um estudo recente revelou que os judeus estão entre os grupos religiosos que os americanos aceitam de forma mais positiva.

«Ao viver em Los Angeles e Toronto, observei que auto-identificar-se como judeu está “in” atualmente», afirmou Shiran, que tem notado um aumento de jantares “shabbat” trendy entre a população jovem e da popularidade do J-Swipe, o Tinder – uma aplicação multiplataforma de localização de pessoas para encontros românticos ao cruzar informações do Facebook e localizando as pessoas geograficamente próximas – judaico.


Fonte: The Guardian 

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics