Coisas Judaicas : Grupo israelense traz grandes marcas ao Top Center, na Paulista
[ ]
Latest News Updates
Grupo israelense traz grandes marcas ao Top Center, na Paulista
30/11/15 Posted by Coisas Judaicas

Grupo israelense traz grandes marcas ao Top Center, na PaulistaCartão-postal de São Paulo, a Avenida Paulista é muito visada pelos comerciantes, interessados em ostentar suas marcas por ali. Afinal, é mais de 1 milhão de pessoas que circulam no pedaço diariamente. 

Um espaço que havia perdido a atenção do público anda voltando à cena. Instalado entre as estações de metrô Brigadeiro e Trianon-Masp, o shopping Top Center tem investido para mudar a cara de galeria popular e firmar-se como um centro de compras importante. Para isso, modificou grande parte das ofertas espalhadas pelos três pisos em uma área total de 6 369 metros quadrados.

No último ano, cinquenta pontos de venda passaram por transformações. Em alguns casos, as vitrines antigas só ganharam um banho de loja. Muitos comerciantes, no entanto, cederam lugar a grandes marcas e etiquetas inéditas na cidade. Desembarcou por lá em julho, por exemplo, a canadense M.A.C. Trata-se da maior unidade paulistana da empresa especializada em maquiagem, com 117 metros quadrados.

Neste mês, foi a vez de a rede de papelarias americana Staples inaugurar sua primeira filial física permanente no Brasil. A sorveteria Bacio di Latte ocupa local de destaque, logo na porta, desde o meio do ano. Exibe filas principalmente aos domingos, com a avenida fechada para pedestres. Estreou no país nesta quinta (26), com o embalo da Black Friday, um quiosque dedicado aos Kindles, do e-commerce Amazon.

Na área de alimentação, aparecerá uma das primeiras unidades nacionais da premiada lanchonete burger joint, com abertura prevista para o primeiro semestre do próximo ano, e o segundo ponto na capital da Sbarro, de culinária italiana, que deve abrir em dezembro. Ambas vêm dos Estados Unidos. A novidade principal, entretanto, fica por conta da Forever 21. A filial pioneira da fast fashion na Paulista deve ser inaugurada em 11 de dezembro, a tempo do Natal. Ocupará 700 metros quadrados do 2º andar, com vista para a rua.

A responsável pelas mudanças é a organização israelense Gazit, que chegou ao Brasil em 2008 e comprou o Top Center em setembro de 2014. O grupo adquiriu outros pontos-chave na metrópole, totalizando um investimento de mais de 1,5 bilhão de reais. “Trata-se de uma empresa muito forte, de olho nas oportunidades da atual crise, levando em conta que existe uma demanda reprimida e perspectivas de melhora no futuro”, diz Michel Cutait, especialista em shoppings e varejo e diretor executivo da Make it Work.

Além do centro de compras na Avenida Paulista, a Gazit possui o Mais Shopping, em Santo Amaro, e, ao lado do Viaduto do Chá, o Shopping Light. Há planos importantes para esse último endereço. “Pensamos nele como uma nova Galeria Lafayette”, afirma Mia Stark, CEO da Gazit Brasil, referindo-se à famosa loja de departamentos parisiense. A Calvin Klein incrementou o mix por lá nos últimos tempos e são esperadas em breve, entre outras, Tommy Hilfiger e Track&Field. Discute- se junto ao vizinho Teatro Municipal a construção de uma passagem subterrânea para ligar os dois locais.
_dan1196-jpg
Mia Stark, CEO da Gazit Brasil
O grupo ainda é dono do terreno onde fica hoje uma unidade do Extra, na Avenida Juscelino Kubitschek. Quando o contrato de permanência do mercado vencer, daqui a alguns anos, a ideia é erguer ali mais um shopping. Em junho de 2016, a empresa promete lançar o Morumbi Town, na Avenida Giovanni Gronchi, com atrações como o supermercado Zaffari e a rede de cinemas Cinesystem. “Buscamos espaços com boa localização, circulação de muita gente e potencial de sucesso”, explica Mia.

O Top Center foi a primeira aposta de transformação radical do grupo. Criado na década de 70, o lugar teve tempos áureos. Suas salas de cinema, fechadas em 2006, atraíam fãs de filmes europeus. Nos últimos anos, porém, ele foi ficando para escanteio. Agora, rivaliza mais diretamente com os concorrentes da região, entre eles o Shopping Cidade São Paulo, inaugurado em abril, no terreno da antiga mansão Matarazzo.

No fim da via, no sentido Paraíso, fica o Pátio Paulista, onde se espera uma expansão há alguns anos. A obra está praticamente pronta. Desde 2012 o shopping tem tido dificuldade para conseguir o alvará do novo espaço. A administradora espera que até o Carnaval tudo esteja acertado.
Fonte: Veja SP
- See more at: http://itrade.gov.il/brazil/?p=5802#sthash.KqSkv5R9.dpuf

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics